últimas

ÁTILA E BELARMINO LINS PROMETEM PP MAIS FORTE NA CAPITAL E NO INTERIOR DO ESTADO


 SOB OS OLHARES DE ÁTILA LINS E ÁLVARO CAMPELO, GARCIA CUMPRIMENTA DEP BELARMINO LINS



Com as bênçãos da Comissão Executiva Nacional, presidida pelo senador Ciro Nogueira, o deputado federal Átila Lins foi eleito, na manhã desta sexta-feira (5), presidente estadual provisório do Partido Progressista (PP), em substituição ao empresário Francisco Garcia, que comandou a legenda no Amazonas nos últimos 20 anos.

Irmão de Átila, o deputado estadual Belarmino Lins foi alçado ao cargo de Secretário-Geral do partido enquanto a ex-deputada federal Rebecca Garcia vai presidir o Diretório Municipal progressista. Os deputados Dermilson Chagas, Álvaro Campelo e Mayara Pinheiro participaram do evento formal ocorrido na sede do PP, no Parque Dez de Novembro, juntamente com outras lideranças pepistas da capital e do interior.
GARCIA FAZ A PASSAGEM DA DIREÇÃO REGIONAL DO PP PARA O DEP FED ÁTILA LINS
Em discursos, Átila e Belarmino prometeram um partido forte com vistas as eleições de 2020, ao mesmo tempo em que elogiaram a transição pacífica de poder e destacaram o desempenho de Francisco Garcia à frente do PP, ao lado de sua filha Rebecca. “Vou pedir ao doutor Garcia que comande a organização do PP na cidade de Manaus, onde ele e Rebecca, com todos os méritos, realizaram um trabalho competente e muito abrangente”, disse Átila.

“Se o PP possui a maior bancada de parlamentares na Assembleia Legislativa, isso se deve muito ao trabalho do doutor Garcia,e então a responsabilidade de Átila e minha só aumenta, somos fortes e agora ficaremos mais fortes ainda”, salientou Belarmino, arrematando: “Garcia é símbolo de lealdade, gratidão e dedicação dentro do PP”.
AS ESTRELAS DO PP REGIONAL, BELÃO, ÁTILA, DRA MAYARA ÁLVARO CAMPELO E DERMILSON CASTRO
Detentor de onze mandatos legislativos, sendo três de deputado estadual e oito de federal, Átila Lins disse que já a partir deste sábado iniciará seu calendário de ações visando o fortalecimento do partido no interior, onde só existem quatro diretórios organizados. Com 40 deputados no Congresso Nacional, o PP é hoje o terceiro maior partido político brasileiro, e, segundo os irmãos Lins, será bem mais expressivo no Amazonas até as eleições de 2020, quando pretende eleger o maior número possível de prefeitos e vereadores.

Nenhum comentário