últimas

DEPUTADA JOANA DARC LANÇA 1° EVENTO DE ADOÇÃO VIRTUAL NO AMAZONAS


Já imaginou adotar um animal de forma responsável, sem precisar sair de casa, com apenas um clique? O 1º Evento Virtual de Adoção de Gatinhos foi lançado nesta sexta-feira (14)  e se estenderá até o fim do mês. Ao todo, 29 felinos  estarão disponíveis para adoção no site www.joanadarcam.com.br/fevereirogateiro. Todos irão para as novas famílias saudáveis, castrados e vermifugados. 

Os animais foram resgatados pela equipe PET da deputada estadual Joana Darc (PL), ONGs e demais protetores. O objetivo do evento virtual é conseguir lares permanentes aos animais, onde eles possam ser cuidados e amados. "Os gatos disponíveis para adoção viviam em situação de rua ou foram resgatados de maus-tratos. Hoje vivem em lares temporários, cuidados por protetores voluntários. Precisamos que eles encontrem uma família",frisa Joana Darc. 

Por serem animais sensíveis, o evento online possibilita que os  gatos sejam poupados de estresse. “Os gatos têm uma atipicidade. Eles não podem estar em um evento aberto ao público pois isso causa um estresse muito grande aos felinos. Então esse primeiro evento online dá a oportunidade para que esses animais que já sofreram tanto possam ter um lar", complementou Joana. 

Para a protetora Priscila Cardoso, a iniciativa de criar um evento online é de suma importância para que os gatos sejam adotados. "Há muito tempo eu não levo meus gatos para eventos de adoção pelo fato de serem animais adultos, de rotina, que ficam estressados num ambiente de muitas pessoas, fazendo o efeito contrário: afastando possíveis adotantes. A grande maioria das minhas adoções foram através das redes sociais. É o ideal", relata. 

Adoção responsável

Para levá-los para casa, é necessário ter alguns requisitos para adotar. Se morar em apartamento, deve-se ter varandas e janelas teladas, a fim de evitar quedas dos animais. Caso more em casa, atentar para que o animal não fuja.

Outro ponto importante é saber sobre a personalidade dos animais. "Muitas pessoas esperam que os gatos tenham o mesmo comportamento dos cachorros. Gatos têm um comportamento e uma personalidade diferente, isto não quer dizer que não amem seus donos, eles só se comportam de maneira diferenciada", destaca a deputada Joana Darc.


Quando chegar em casa, o adotante deve se preocupar em colocar a caixa de transporte em que o animal chegou em um cômodo tranquilo, para que o animal saia da caixa e possa explorar o local livremente.

Comida, água e caixa de areia devem ser previamente providenciados. "Além de todos esses requisitos, é importante que a nova família do gatinho tenha muito amor pra dar. Muitos passaram por situações de trauma, por isso conhecer a origem dele vai ajudar a identificar a personalidade do animal", reforça Joana.

Nenhum comentário