últimas

SECRETÁRIA DE SAÚDE PARTICIPA DE REUNIÃO COM MINISTÉRIO PÚBLICO PARA DISCUTIR AÇÕES VOLTADAS À SAÚDE INDÍGENA

FOTO: Divulgação/Susam




A secretária de Estado de Saúde, Simone Papaiz, participou na manhã desta terça-feira (19) de reunião com representantes do Ministério Público Federal no Amazonas (MPF-AM), Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai), Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), Distrito Sanitário Especial Indígena (Dsei) Manaus, Fundação Nacional do Índio (Funai) e Organizações Não Governamentais (ONGs) de Saúde, em que foram discutidas medidas adotadas pelo poder público para o atendimento dos pacientes indígenas com Covid-19 na capital.

Acompanhada do secretário executivo adjunto de Atenção Especializada ao Interior, Cássio Espírito Santo, a titular da Secretaria de Estado de Saúde (Susam) apresentou as últimas ações realizadas pelo Governo do Amazonas para o atendimento aos indígenas infectados pelo novo coronavírus, tanto na capital, quanto no interior do estado.

Simone Papaiz destacou que o Governo do Estado vem atuando junto ao Ministério da Saúde, por meio da Sesai, responsável pela promoção de políticas de saúde voltadas aos povos indígenas, para que sejam abertos os leitos de alta complexidade no Hospital de Combate ao Covid-19 para o atendimento desses pacientes.

“Estivemos ontem em São Gabriel da Cachoeira, em Tabatinga e Benjamin Constant, juntamente com a Sesai, e apresentamos ao secretário Robson Silva a necessidade da aquisição de 20 respiradores, para que os leitos do Hospital de Combate sejam abertos o quanto antes”.

Ao ser questionada pelo procurador da República, Fernando Merloto Soave, sobre os auxílios federais enviados ao Amazonas para a atenção indígena, a secretária explicou que, neste momento, o Estado encontra grande dificuldades para a aquisição de equipamentos e insumos e que solicitou que essas compras sejam feitas pelo Ministério da Saúde e enviada para o Amazonas.

De acordo com o procurador, a reunião teve por objetivo ouvir as secretarias de Saúde estadual e municipal, Sesai, além das organizações como Médicos Sem Fronteiras e Expedicionários da Saúde, para que as ações sejam alinhadas e possam chegar de forma mais eficiente aos indígenas.

“Eu acho que o diálogo é essencial e acredito que entre os atores principais a comunicação deva fluir no sentido de que, cada um sabendo o que o outro está fazendo, não haja duas pessoas indo atrás da mesma situação”.

Ações no interior – A secretária Simone Papaiz esteve no domingo (18/05) em São Gabriel da Cachoeira, e na segunda-feira (19/05) em Tabatinga, acompanhando a entrega de ventiladores pulmonares e insumos aos municípios, por parte do Ministério da Saúde. As regiões, na fronteira do Amazonas com Colômbia e Venezuela, abrigam várias etnias indígenas.

Na ocasião, a secretária conheceu as unidades referenciadas dos municípios para o atendimento de pacientes com Covid-19 e que receberam os materiais e destacou o trabalho de articulação que tem sido feito pelo Governo do Amazonas.

“O governo estadual tem estado muito preocupado com o crescimento de casos de Covid-19 no interior, e em especial entre os indígenas. Por isso, desde o início organizamos nosso plano de contingência, e isso permitiu que fôssemos um dos primeiros estados a receber auxílio federal. Continuamos em contato direto e constante com o general Eduardo Pazuello, para que mais ajudas sejam enviadas”.


Nenhum comentário