últimas

CURSO DE LIBRAS DO CETAM BENEFICIA MAIS DE 600 ALUNOS

Foto: Tácio Melo/Secom

A comunicação pode ser uma poderosa ferramenta quando se trata da inclusão social de deficientes auditivos. É através dela que, hoje, cerca de 600 amazonenses buscam inserir e promover uma melhoria na qualidade de vida surdos e mudos por meio de qualificação no curso de Linguagem Brasileira de Sinais (Libras), oferecido gratuitamente pelo Governo do Estado, por meio do Centro de Educação Tecnológica do Amazonas (Cetam) em Manaus e no interior.

Uma dessas pessoas é a armazenista Nancy Domingues, aluna do nível básico de uma das duas turmas lotadas na Escola de Educação Profissional Padre Estelio Dalison, localizada no bairro São Jorge, zona oeste da capital. Ela conta que sentiu necessidade de procurar o curso após perceber que funcionários deficientes auditivos da distribuidora onde trabalha eram excluídos devido à falta de comunicação e preconceito.

“Eles tinham dificuldades em se comunicarem com as pessoas, alguns tiveram momentos de depressão, eles são excluídos, né? As pessoas não tem aquela paciência de conversar com eles e eles também se sentem excluídos. Quando eu comecei a conversar com eles, eles começaram a me incentivar a fazer o curso para eu poder me comunicar melhor com eles e graças a Deus eu estou adorando aqui”, diz.

Já a fisioterapeuta Janaína Freitas, revela que a possibilidade de incluir deficientes auditivos no mundo da Fisioterapia foi o que a motivou a procurar o curso oferecido pelo Cetam. Ela destaca ainda que a experiência do curso, iniciado em setembro e com duração de 3 meses, tem sido gratificante e a evolução já vem sendo sentida.

“A experiência é louvável, é gradativa, dia após dia. A linguagem brasileira de sinais é uma língua apesar de não ser falada, de ser totalmente interpretada por sinais. É uma língua. Assim que eu me formar vou ser uma pessoa bilíngue assim como quem fala inglês, francês, espanhol, eu vou ser bilíngue e cada dia, gradativamente como bem já falei, vai ser um novo dia. A gente tem lutado, praticado como já falei e o Cetam é onde a gente encontra muito a prática, a gente tem praticado bastante e a prática leva a perfeição”, opina a profissional.

Inclusão - Estima-se que hoje existam cerca de 150 mil deficientes auditivos no Amazonas, dos quais 90 mil moram na capital, segundo dados do Conselho Estadual dos Direitos da Pessoa com Deficiência (Conede). Atender essa demanda é fundamental e para o professor do curso de Libras do Cetam, Marlisson Azevedo, é gratificante ver o crescimento do número de interessados em aprender a Língua Brasileira de Sinais no intuito de acolher os deficientes.

“Hoje a gente ver empresas por aí que tem pessoas com deficiência mas não possuem ninguém para acompanhar naquela necessidade. Então, as pessoas realmente estão aprendendo, estão sedentas, com vontade de aprender, e isso tem ajudado bastante, é muito gratificante ver o desempenho dos alunos e eles poderem dizer ‘Eu já tenho o conhecimento e estou pronto para qualquer situação lá fora’”, avalia.

Turmas - O curso de Libras é oferecido pelo Cetam na capital e municípios do Estado, nos níveis básico, intermediário e avançado. Cada um tem 150 horas de aula. No momento, oito turmas de Libras estão em andamento em Manaus, com um total de 156 alunos. No interior, esse número sobe para 12 turmas e 450 alunos. Para a diretora da Escola de Educação Profissional Padre Estelio Dalison, que oferece o curso, o balanço é positivo.

“A nossa avaliação é extremamente positiva porque veja, nós temos desde professores, fisioterapeutas, pessoas apenas com ensino médio ou ensino fundamental que estão buscando e isso é muito positivo porque elas estão atentas ao mercado de trabalho e não só ao mercado de trabalho, ao convívio, convívio familiar mesmo porque nós temos casos de alunos que estão fazendo porque tem um filho, uma filha, namorado, esposo, enfim, que é surdo e para melhorar a comunicação”.

No momento, todas as turmas já se encontram fechadas e a previsão é de que novas turmas sejam abertas no início de 2021. Os interessados em se matricular no curso de Libras do Cetam tanto na capital como no interior devem ficar atentos à divulgação das novas datas demais informações no site www.cetam.am.gov.br ou nas redes sociais da instituição.

Nenhum comentário