últimas

GOVERNO DO AMAZONAS TRATA DE AVANÇOS PARA O SETOR PESQUEIRO DURANTE ENCONTRO EM NOVO AIRÃO

A Unidade Integrada de Articulação às Comunidades (UIAC), órgão da administração direta do Poder Executivo Estadual e integrante da Governadoria, esteve presente na ação que reuniu pescadores do município de Novo Airão. A atividade foi realizada no último dia 10, no auditório da Colônia de Pescadores AM-34. 

Entre as pautas apresentadas pela categoria estavam a emissão das carteirinhas de pescadores junto ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) e as guias de transporte de pescado.

Segundo o secretário executivo da UIAC, Carlos Alvarenga, a preocupação da comunidade da pesca é com a manutenção das atividades em razão da pandemia da Covid-19, incluindo os trabalhadores que atuam em áreas de preservação próximas ao município, em particular a que abrange o rio Jaú, especialmente o afluente rio Carabinani.

“O compromisso do governador (Wilson Lima) com o setor primário já foi evidenciado em diversas ocasiões, especialmente no período mais agudo da pandemia, onde não houve paralisação. Atividades importantes neste setor incluem a agricultura, a pesca, a pecuária e independente da esfera de Governo a que as eventuais dificuldades se refiram, trabalharemos em conjunto para resolver as questões. Hoje, temos os editais do Idam (Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Estado do Amazonas) e o financiamento pela Afeam (Agência de Fomento do Estado do Amazonas) como importantes ferramentas de apoio”, explica Alvarenga.

Participaram da reunião, a Secretaria de Estado de Produção Rural (Sepror), por meio da Secretaria Executiva de Pesca e Aquicultura (Sepa), o Sindicato dos Pescadores no Estado do Amazonas (Sindpesca) e a Federação dos Trabalhadores da Pesca e Aquicultura do Amazonas (Fetape).

“Durante a reunião, tratamos os diferentes fomentos que são trabalhados pelo Sistema Sepror, como a subvenção do pirarucu, realizada pela ADS (Agência de Desenvolvimento Sustentável do Amazonas), assim como a participação desses pescadores nas feiras promovidas pelo Governo do Estado. O apoio ao manejo da pesca, realizada pela Sepa, o PAA (Programa de Aquisição de Alimentos), os editais abertos, enfim. As inúmeras atividades que temos realizado em prol da pesca artesanal”, ressalta Leocy Cutrim, secretário executivo da Sepa.

Visita técnica 

No dia nove de outubro, foi realizada visita técnica nas propriedades de pescadores de Novo Airão e a sede do Sindpesca no município. “Uma oportunidade ímpar que tivemos de estar próximo do pescador e ouvir as demandas da categoria. Queremos estar cada vez mais perto do pescador artesanal para estabelecer políticas públicas direcionadas para esse grande profissional que é o pescador amazonense“, finalizou o secretário.


Foto: Divulgação/Casa Civil 

Nenhum comentário