Aconteceu!

JOSUÉ DECLARA APOIO A AMAZONINO E WILKER POR TEREM COMPROMISSO COM O POVO E NÃO ESTAREM LIGADOS AO ATUAL GOVERNO

 


O presidente estadual do Partido Renovador Trabalhista Brasileiro (PRTB) e presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), deputado Josué Neto declarou na noite desta quinta-feira (26), apoio ao candidato à Prefeitura de Manaus, Amazonino Mendes e ao seu vice, Wilker Barreto, ambos do Podemos, por acreditar que os dois terão compromisso com o povo de Manaus, responsabilidade na gestão pública e não com empresários ligados ao Governo do Amazonas. 

"O que o Amazonino representa? O Amazonino representa uma pessoa que não tem as mãos atadas com essas pessoas que estão no Governo. Ele não tem nenhum tipo de responsabilidade com essas pessoas que estão no Governo. Com essa quadrilha que está instalada no Governo do Estado", disse o presidente. 

De acordo com Josué, Amazonino Mendes representa uma alternativa de candidatura que não está guiado e muito menos chantageado, principalmente, porque não tem laços com a quadrilha que está afundando o Estado do Amazonas. "O meu apoio é para o Amazonino, por isso que estou falando que Amazonino é o melhor candidato. Além de tudo, eu entendo que essa composição de uma pessoa experiente e não que o Wilker não seja, Wilker é uma pessoa experiente, tem responsabilidade na gestão e sabe gerir", frisou.

O vice-candidato a Prefeitura de Manaus, deputado estadual Wilker Barreto agradeceu a presença de Josué Neto e pelo gesto político com a coligação. "Estamos aqui para um projeto do bem. Nós queremos o melhor para a nossa cidade. Nós não podemos permitir que a nossa cidade caia em mãos erradas e estamos lembrando o povo de Manaus com um Governo que machuca o seu povo. Quem está por trás do David Almeida são os mesmos que nós estamos denunciando todos os dias na Assembleia", finalizou Barreto. 


Govergonha

Josué disse ainda que em suas orações tem questionado sobre o que o Amazonas fez para merecer o atual "govergonha" e desgovernador, Wilson Lima. "É a maior vergonha que já passou no Governo do Estado.  A PGR (Procuradoria Geral da República) disse que ele é líder de quadrilha, quando eu digo que ele é mafioso é a mesma coisa. Mas sou eu que estou dizendo? Não, quem disse foi a Procuradoria Geral da República", disse Josué para o público de apoiadores que estiveram no auditório da Chácara Abraço Verde, localizado no Parque das Laranjeiras, em Flores, zona centro-sul de Manaus.

Nenhum comentário