Aconteceu!

CRIANÇA É ABUSADA SEXUALMENTE EM BARREIRINHA


Estupro provoca revolta, depredação e tentativa de linchamento em Barreirinha. Fotos: Divulgação

A morte de uma criança de apenas 1 ano e 6 meses na noite deste domingo (20), por estupro, provocou a ira dos moradores da comunidade do Jabotituta, zona rural de Barreirinha (distante 331 quilômetros de Manaus), com cenas de vandalismo e depredação do prédio da delegacia de polícia. Populares buscaram fazer justiça com as próprias mãos.

Estupro
O suspeito do crime, o padrasto, estava detido no distrito policial. A mãe da menina também foi levada para a delegacia por suspeita de ser conivente com o crime. Um grupo de populares iniciou a sequência de depredação e incêndio em viaturas da Polícia Militar. Dois veículos foram destruídos, um queimado e outro depredado e virado no meio da via pública.

Revoltada, a população invadiu a delegacia para linchar o acusado e durante tentativa da polícia de conter os envolvidos, uma segunda morte ocorreu após troca de tiros com a PM. Com o incêndio e a destruição do distrito, presos teriam conseguido fugir das celas, mas a informação não foi confirmada oficialmente. Quatro pessoas teriam sido baleadas e uma estaria em estado grave. Não há identificação dos baleados até o momento.





Portal do Marcos Santos*

Nenhum comentário