Aconteceu!

HOMEM MATA COMPANHEIRA A FACADAS E TIROS

Câmeras registraram o ato de feminicídio em Suzano (SP)


Uma mulher foi vítima de feminicídio na manhã desta segunda-feira (21) em Suzano, região metropolitana de São Paulo. O autor dos disparos, companheiro da vítima, foi preso pouco depois.

O crime aconteceu na Estrada do Marengo, em frente à Escola Gilberto de Carvalho, em Suzano. A vítima, Bárbara Luana Campos de Jesus, de 29 anos, foi morta pelo próprio companheiro.

De acordo com a Polícia Militar, o casal estava dentro do carro quando começaram a discutir. Ele desferiu golpes de faca contra a vítima, que conseguiu sair do carro e tentou fugir. Após alguns metros, Bárbara foi alcançada e atropelada pelo companheiro. Ao descer do carro, o homem a feriu novamente com a faca e, em seguida, disparou contra a mulher.

Câmeras de segurança mostraram o momento da execução da vítima. A mulher, caída na calçada após ser atropelada pelo homem, fica sob a mira da arma do companheiro. Após alguns instantes, o criminoso dispara contra ela.

Em seguida, o homem entra no carro e foge enquanto a vítima permanece caída na via. Uma testemunha, que passava pela via em outro veículo no momento, registrou o assassinato.

O suspeito foi detido logo após o crime, em Itaquaquecetuba. De acordo com a tenente, equipes policiais foram informadas de um homicídio na região e, rapidamente, conseguiram identificar o veículo.

Foi realizado um cerco com a PM a fim de localizar o suspeito. Após uma das viaturas cruzar com o carro, o homem tentou fugir. Com a chegada das demais equipes, se rendeu e se entregou.

Dentro do veículo foi encontrada a arma utilizada no crime. A faca não foi localizada pois, segundo o suspeito, ele a jogou pela janela durante a fuga.

De acordo com a polícia, o que motivou o crime foi uma briga do casal. Bárbara teria terminado o relacionamento e pedido para ele sair de casa, mas o homem não aceitava o fim da relação.

O Centro de Operações da Polícia Militar informou que possui acionamento para pessoa em óbito após ser agredida por arma branca no endereço. Foi solicitada perícia para o local, ainda a caminho do endereço. O caso está sendo registrado na Delegacia de Itaquaquecetuba.

Nenhum comentário