Aconteceu!

BELARMINO LINS PEDE PRORROGAÇÃO DE PRAZO PARA PAGAMENTO DE EMPRÉSTIMOS JUNTO A AFEAM

Foto: Reprodução

Sensibilizado com os prejuízos causados pela pandemia do coronavírus à economia interiorana, o deputado estadual Belarmino Lins (PP) solicitou ao Governo do Estado a prorrogação do prazo para o pagamento dos empréstimos concedidos pela AFEAM (Agência de Fomento do Estado do Amazonas) aos comerciantes e demais empreendedores do município de Boca do Acre, no Alto Purus.

“A pandemia provocada pelo novo coronavírus, causador da Covid-19, continua a castigar duramente a cidade de Manaus como o interior do Estado, pondo em risco a sobrevivência de milhares de cidadãos que utilizam as linhas de créditos disponibilizadas pela AFEAM para o financiamento das atividades de comerciantes e demais cidadãos empreendedores em diversos municípios”, discorre o líder progressista no requerimento apresentado nesta terça-feira (9) na Assembleia Legislativa (Aleam) 

De acordo com o parlamentar, a fúria da pandemia obrigou o governador Wilson Lima, em sintonia com os órgãos sanitários, a adotar medidas restritivas que alcançaram toda a população interiorana, determinando, dentre outras coisas, o fechamento temporário de estabelecimentos comerciais e gerando sérios problemas, sobretudo, a pequenos e médios empreendedores clientes da AFEAM.

Pressionados pelas dificuldades inesperadas causadas pela pandemia, esses empreendedores, conforme Belarmino Lins, “não mais conseguiram sanar, adequadamente, os empréstimos consignados junto a Agência de Fomento, como bem testemunha o vereador Jansen Bento de Almeida (Avante), autor de um documento enviado ao nosso Gabinete clamando pela prorrogação do pagamento referente aos empréstimos obtidos na AFEAM pelos empreendedores de Boca do Acre”.

Belarmino diz apostar na compreensão de Wilson Lima quanto a necessidade de estender o prazo para que os empreendedores bocacrenses possam resolver seus débitos com a AFEAM. “Acredito que o governador compreenderá a dimensão do problema e atenderá a nossa solicitação em nome da população de Boca do Acre”, frisou.

Nenhum comentário