Aconteceu!

VACINAÇÃO EM MASSA E ABERTURA DE HOSPITAIS DE CAMPANHA SÃO OBJETOS DE REQUERIMENTO DA DEPUTADA NEJMI AZIZ

Foto: Alexsander Alves


A deputada estadual Nejmi Aziz (PSD) protocolou pedido de vacinação em massa e abertura de hospitais de campanha, nesta quinta-feira (11/2), na Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam). O requerimento foi fundamentado no pronunciamento, no plenário da Aleam, na última terça-feira (9/2), do biólogo Lucas Ferrante, mestre em ecologia e doutorando do programa de ecologia do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa). Lucas alertou sobre a grande possibilidade de uma terceira onda de infecções por coronavírus no Amazonas.


A pesquisa chamou atenção da deputada Nejmi que, em caráter de urgência, protocolou requerimento de indicação ao governador do Estado, Wilson Lima (PSC), a fim de que sejam abertos hospitais de campanha, preventivamente, e também o início da vacinação em massa contra Covid-19 para a população do Amazonas. “O pronunciamento do pesquisador Lucas chamou minha atenção quando destacou ser necessário um enfrentamento mais efetivo com a indicação da vacinação em massa em todo o Amazonas, nos próximos três meses”, destacou a deputada.


Na avaliação da deputada Nejmi, e de acordo com as declarações do pesquisador, as medidas de isolamento atuais não são suficientes e propõe vacinação urgente da maior parcela possível da população. “Decretar lockdown é muito danoso para a economia popular, a alternativa mais viável seria estender horários de vacinação para todos os dias da semana e imunizar o máximo de pessoas possíveis. Só assim vamos evitar que mais pessoas sejam infectadas pelo coronavírus e aceleramos a chamada imunização de rebanho”, declarou.


Na apresentação de Ferrante, que foi ao plenário da Aleam a convite do deputado estadual Álvaro Campelo (Progressistas), o estudo indica que a nova cepa do vírus se tornará predominante ainda em março deste ano. “A nova variante vai infectar muito mais pessoas do que em meses anteriores. O aumento dos casos de reinfecção será extremamente grande, pois a nova cepa do coronavírus tem taxa de transmissão duas vezes maior do que a linhagem que infectou as pessoas durante o ano de 2020”, anunciou o pesquisador.


“É necessária a união de esforços para garantir que o Amazonas inicie rapidamente a vacinação em massa, contemplando a maior parcela da população, em caráter emergencial. Estou atenta às questões que implicam olhar o lado tanto do empregado, quanto do empregador e esta solicitação de vacina em massa ajudaria muito ambos os lados”, disse Nejmi Aziz. “Além disso, também peço a abertura preventiva de hospitais de campanha para aliviar a pressão sobre as redes de saúde pública e privada que estão em limites de atendimento”, finalizou a deputada.

Nenhum comentário