Aconteceu!

MANAUS VACINA PESSOAS DE 55 A 57 ANOS COM DOENÇAS PREEXISTENTES


Pessoas entre 55 e 59 anos com comorbidades devem tomar vacina em Manaus. Idosos a partir de 60 anos também recebem doses. — Foto: Divulgação

Grupo prioritário pode buscar um dos sete postos de vacinação da capital.

Pessoas com doenças preexistentes (comorbidades) que têm de 55 a 57 anos podem se vacinar contra Covid-19, nesta quinta-feira (1º), em Manaus.. Com laudo médico em mãos, eles devem buscar um dos sete postos de vacinação da capital (veja endereços abaixo).

O calendário desse grupo foi antecipado, já que, antes, o atendimento era de uma idade por dia. As comorbidades incluídas nesta etapa são: diabetes mellitus, obesidade mórbida (IMC > 40) ou alguma cardiopatia.

Postos de vacinação contra Covid em Manaus, das 9h às 16h:

  • Centro Estadual de Convivência da Família Padre Pedro Vignola (Rua Gandu, 119, Cidade Nova)
  • Centro Cultural dos Povos da Amazônia (Avenida Silves, 2.222, Crespo)
  • Universidade Paulista (Unip) (Avenida Mário Ypiranga Monteiro, 3.490, Parque 10 de Novembro)
  • Universidade Nilton Lins (Avenida Professor Nilton Lins, 3.259, Flores)
  • Clube do Trabalhador do Sesi/AM (Avenida Cosme Ferreira, 7.399, São José)
  • Balneário do Sesc/AM (Avenida Constantinopla, 288, Alvorada)
  • Centro de Convenções de Manaus (sambódromo) (Avenida Pedro Teixeira, 2.565, Dom Pedro, zona Oeste)

Agora, de acordo com a prefeitura, o calendário de vacinação contra em Manaus inclui, todos os dias, pessoas de 59 a 55 anos, com doenças preexistentes. Ou seja, as pessoas de 58 e 59 anos que ainda não tomaram a vacina também devem procurar um dos postos de vacinação ao longo da semana.

Pessoas com mais de 60 anos também são parte do público alvo e devem se vacinar.
Só não devem se vacinar as pessoas que estiverem com alguma doença na fase aguda. Estas devem aguardar a recuperação total. No caso de Covid-19, é preciso aguardar 30 dias após os primeiros sintomas para ser vacinado.

Para ser vacinado é necessário apresentar laudo (original e cópia) que comprove uma das três condições de saúde exigidas para esta etapa da campanha (diabetes, obesidade ou comorbidades), além de documento de identificação com foto e CPF.

Os portadores de diabetes que não tiverem laudo, devem levar a receita médica (também original e cópia) em papel timbrado do SUS ou da rede particular.

G1 AM*

Nenhum comentário