Aconteceu!

PROJETO OBRIGA FRENTISTAS A DENUNCIAR MOTORISTAS EMBRIAGADOS NO AMAZONAS

(Foto: Marcelo Camargo/ABr)


Projeto de lei determina que funcionários de postos de combustíveis no Amazonas comuniquem à polícia sobre motoristas que demonstrem sinais de embriaguez ao volante. O PL nº 485/2021, de autoria da deputada estadual Mayara Pinheiro (PP), tramita na Assembleia Legislativa.

A denúncia poderá ser feita de forma anônima e através do Disque 190, 181 ou plataformas digitais. A proposta estabelece que no ato da denúncia deverão ser informados o modelo, cor e placa do veículo, bem como a localização do posto de combustíveis.

Na justificativa do projeto, Mayara Pinheiro argumenta que o objetivo é reduzir acidentes de trânsito. “É notório que muitas pessoas compram bebidas alcoólicas em postos de combustíveis, seja para consumo local ou posterior, permitindo aos funcionários de tais postos a identificação de condutas que, infelizmente, podem ocasionar acidentes graves”, afirma.

A deputada também alega que de igual forma, pessoas alcoolizadas, por vezes, param para abastecer em postos de combustíveis, o que permite a detecção de sinais de embriaguez por parte dos frentistas.

De acordo com dados citados pela parlamentar na proposta, em 2020, 6.962 vítimas de acidentes de trânsito foram atendidas nos três maiores prontos-socorros de Manaus. “O socorro e o tratamento custaram em torno de R$ 1,6 milhão, devido a internações, cirurgias e medicações. Os acidentes representam boa parte das internações hospitalares e pela maioria dos atendimentos de urgência e emergência”, argumenta.

Leia o Projeto de Lei nº 485/2021 completo AQUI.

*AMAZONAS ATUAL

Nenhum comentário