Aconteceu!

BALADA COM MARIANA RIOS TERIA SIDO A “GOTA D’ÁGUA” PARA NEYMAR NO PSG

Simon Stacpoole/Offside/Offside via Getty Images

Pode estar chegando ao fim a trajetória de Neymar no Paris Saint Germanin. Segundo o jornal espanhol “El Nacional”, o presidente do clube, o bilionário Nasser Al-Khelaifi, teria perdido completamente a confiança no craque brasileiro.

Após participar de uma balada com a atriz Mariana Rios, e – aparentemente por este motivo – desfalcar a Seleção Brasileira no jogo contra a Argentina, Neymar também é dúvida para o compromisso do PSG neste sábado, contra o Nantes.

Segundo o jornal espanhol, Nasser Al-Khelaifi teria oferecido o atacante brasileiro por meio de intermediários a vários clubes da Premier League, além do Barcelona, que, a princípio, não demonstrou interesse, por falta de condições financeiras.

Dentre os motivos para a a decisão de livrar-se do jogador, estaria o início de temporada muito abaixo do esperado. Neymar apresentou-se gordo e fora de forma. Além disso, nos últimos meses, ele tem se destacado mais fora de campo, envolvendo-se em polêmicas, do que propriamente jogando futebol, atividade para a qual é muitíssimo bem remunerado.

O episódio com a atriz Mariana Rios pesou muito para essa possível tomada de posição do PSG. A atriz chegou a ser acusada nas redes sociais de “desfalcar a Seleção”. Mas não foi só isto: no sábado (13/11), Neymar também promoveu uma festa em Alphaville que contou com a presença dos atletas Vinicius Junior e Lucas Paquetá, entre outros famosos.

Agora, ainda segundo o “El Nacional”, o foco do PSG é tentar manter Kylian Mbappé no seu elenco, apesar de o jovem atleta francês estar apalavrado com o Real Madrid para a próxima janela de transferência. O clube ainda não perdeu a esperança de renovar seu contrato, nem que para isso precise abrir mão de Neymar.

O fato é que o magnata Nasser Al-Khelaifi está de saco cheio das problemas que Neymar tem causado. Ele é presidente do PSG desde 2011 e tem obsessão por vitórias, por conquistas. Não nasceu em berço de ouro e, por isso mesmo, sabe que é o grau de comprometimento que determina o sucesso de um profissional e de uma equipe, seja qual for a atividade.

Aos 29 anos, Neymar talvez ainda tenha tempo de compreender o que isso significa.




Metrópoles*

Nenhum comentário