Aconteceu!

CÂMARA DE MANAUS TEM MELHOR CONTROLE INTERNO NA GESTÃO DE RECURSOS PÚBLICOS DO AM

 


Os investimentos realizados pelo presidente da Câmara Municipal de Manaus (CMM),

vereador David Reis (Avante), para melhorar o controle interno da Casa Legislativa, na

gestão dos recursos públicos, alcançaram os objetivos pretendidos. O parlamento

municipal aparece no “Ranking de Controle Interno 2021”, divulgado pelo Ministério

Público de Contas (MPC-AM), com grau elevado de eficiência.



Criado em 2019 pelo MPC-AM, o ranking, verifica a implementação e o correto

desenvolvimento do sistema de controle interno de cada unidade, além da estrutura,

funcionamento, informações e relatórios apresentados pela instituição.


David Reis atribuiu o resultado positivo a todo um esforço feito pela atual legislatura do

parlamento em gerenciar da melhor maneira possível, a aplicação dos recursos da

Casa Legislativa.

“Essa é nossa missão como gestor a frente de um dos principais parlamentos

municipais do país. Temos a obrigação de fazer o melhor gerenciamento destes

recursos e garantir que eles sejam bem utilizados e assim o faremos até o fim de nossa

gestão”, garante o presidente.


De acordo com os dados publicados no site do MPC-AM, a Câmara de Manaus é a

única entre todas os parlamentos municipais do estado, a alcançar o grau elevado, com

929 pontos, 138 a mais que a Câmara Municipal de Apuí, segunda colocada com 791

pontos e 300 a mais que a Câmara de Parintins, terceira no ranking, com 629 pontos.


A Câmara de Manaus também se destaca entre os poderes e órgãos estaduais, com

uma pontuação que a coloca no sexto lugar, ficando atrás apenas do próprio MPC-AM,

Governo do Amazonas, Tribunal de Contas do Estado (TCE-AM) e Prefeituras de

Alvarães e Tefé.

Critérios:

Os critérios de avaliação do ranking do MPC-AM têm como base seis níveis: crítico,

quando a instituição soma até 268 pontos; deficiente, quando obtém entre 269 a 537

pontos; mediano, entre 538 a 806 pontos e elevado, quando ultrapassa os 807 pontos.


Texto: Tiago Ferreira – Dircom/CMM

Foto: Robervaldo Rocha – Dircom/CMM

Nenhum comentário