Aconteceu!

KINDER OVO É RETIRADO DAS PRATELEIRAS APÓS CASOS DE SALMONELA

Reprodução

Foram detectados na Europa dezenas de casos de contaminação pela bactéria salmonela, que causa danos a saúde de quem a ingere. As suspeitas do foco dessa contaminação estão voltadas para os produtos da Kinder, marca de chocolates fabricados na Bélgica. Essa hipótese ocasionou a retirada do Kinder Ovo das prateleiras pela Ferrero.

Somente no Reino Unido foram constatados 63 casos por contaminação pela bactéria, segundo uma porta-voz da AFP. Segundo a empresa FSA, da Grã-Bretanha, esse recall faz parte dos ovos Kinder, doce bem popular entre as crianças que contém uma surpresa colecionável em seu interior.

Kinder Ovo pode estar contaminado com salmonela

A agência britânica pede que os consumidores não consumam produtos Kinder Surprise com data de validade de 11 de julho até 7 de outubro. Outras 21 pessoas foram contaminadas na França, sendo que 15 afirmam ter consumido o referido produto. A média de idade dos casos é de 4 anos.

A salmonela provoca intoxicações alimentares que causam transtornos no aparelho digestivo e até febre nas primeiras 48 horas depois do consumo. Não foram informados quais os números de lotes que não devem ser consumidos, somente as datas de validade.

Devolução de chocolates Kinder

A devolução dos produtos Kinder foi solicitada para as fábricas instaladas em Arlon, na Bélgica. Os produtos fabricados ali foram exportados para a França, Reino Unido, Irlanda do Norte, Alemanha, Suécia e comercializados no próprio país. O anúncio desse comunicado foi feito pela Ferrero, responsável pela fabricação, nesta terça-feira (5).

Ao que tudo indica pelo comunicado, consumidores brasileiros não devem se preocupar com o consumo dos produtos fabricados no Brasil, uma vez que até o momento só foi encontrada essa bactéria em fábricas da Europa.




i7 NEWS*

Nenhum comentário