Aconteceu!

VACINA CONTRA A COVID-19 ESTARÁ DISPONÍVEL EM 15 LOCAIS NESTE SÁBADO, 9/4

 

Foto – Camila Batista / Arquivo Semsa

Com 15 pontos de vacinação, a Prefeitura de Manaus dá continuidade à campanha municipal de vacinação contra a Covid-19 neste sábado, 9/4. Estarão em funcionamento quatro locais para atendimento exclusivo das crianças de 5 a 11 anos de idade, dez para o público de 12 anos ou mais e um, o Centro de Convenções de Manaus (Sambódromo), destinado ao atendimento dos dois públicos.

A subsecretária municipal de Gestão da Saúde, Aldeniza Araújo, informa que, dos pontos de atendimento infantil, quatro – Sesi, na zona Leste; Studio 5 Centro de Convenções e Parque da Criança, na zona Sul, e sambódromo, na zona Oeste – irão funcionar das 9h às 16h e o shopping Via Norte, na zona Norte, das 10h às 16h.

Ainda de acordo com a subsecretária, para os adolescentes e adultos, serão nove unidades de saúde abertas neste sábado, das 9h às 12h. Além dessas, estarão em funcionamento os dois pontos estratégicos já tradicionais – o sambódromo, operando das 9h às 16h, e o shopping Phelippe Daou, das 10h às 16h.

Nestes locais, estarão disponíveis da primeira à quarta dose, que serão aplicadas de acordo com os públicos e intervalos determinados pelo Ministério da Saúde.

Quatro dos onze pontos de vacinação não irão oferecer os imunizantes CoronaVac e Janssen. Para verificar a relação completa dos pontos de atendimento, com endereços, horários e imunizantes disponíveis, basta acessar o site da Semsa, por meio do link bit.ly/localvacinacovid19, ou as redes sociais oficiais (@semsamanaus no Instagram e Semsa Manaus no Facebook). A lista é atualizada diariamente.


Doses

Serão oferecidas, para as crianças, a primeira dose e também a segunda para as que já alcançaram o intervalo recomendado entre as doses: 28 dias para quem recebeu a CoronaVac, permitida para crianças de 6 a 11 anos; e dois meses para tomou a Pfizer pediátrica, autorizada para o público de 5 a 11 anos.

Para os adolescentes de 12 a 17 anos está sendo oferecida, além da primeira, a segunda dose, que deve ser tomada com 21 dias de intervalo. Quem está nessa faixa etária e tem alto grau de imunossupressão também pode receber a terceira dose dois meses após a segunda.

Os menores de 18 anos devem ir ao ponto de vacinação acompanhados dos pais ou responsáveis, e apresentar a caderneta ou o cartão de vacinação, a certidão de nascimento ou um documento de identificação com foto, e o Cartão Nacional do Sistema Único de Saúde (SUS) ou o CPF. Os adolescentes imunossuprimidos que forem receber a terceira dose devem apresentar laudo que indique esta condição de saúde.

Já quem tem 18 anos ou mais pode receber, além das duas doses do esquema inicial, a primeira dose de reforço, que deve ser tomada no mínimo quatro meses após a segunda dose, no caso das pessoas de 18 a 59 anos; no mínimo três meses após a segunda, no caso dos idosos acima de 60 anos; e após 28 dias da segunda, se o usuário estiver na categoria de imunossuprimido.

Os imunossuprimidos e os idosos de 70 anos ou mais também podem receber a quarta dose se tomaram a terceira há pelo menos quatro meses.

As pessoas que receberam a primeira dose do laboratório Janssen precisam apenas de duas doses, de acordo com as orientações atuais do Ministério da Saúde.

Quem tem 18 anos ou mais deve apresentar a carteira de vacinação, um documento de identidade original com foto e o CPF, além do laudo que comprova imunossupressão para os que forem receber a quarta dose.

Nenhum comentário