últimas

SOB APLAUSOS E PEDIDOS DE JUSTIÇA, CORPO DE MOTORISTA DE APLICATIVO MORTO EM ASSALTO É ENTERRADO

Corpo de motorista de aplicativo morto em assalto é enterrado em Manaus — Foto: Eliana Nascimento/G1 AM

O corpo do motorista de aplicativo encontrado morto em um ramal (estrada vicinal) na noite de sexta-feira (6) na Zona Leste de Manaus foi enterrado na tarde deste sábado (7). Higson Cavalcante Ramos tinha 49 anos. Um adolescente de 16 anos foi apreendido suspeito de envolvimento no caso.

O corpo desceu à sepultura sob o aplauso de amigos e familiares. Abalados, todos pediam por justiça.

Ramos estava desaparecido há dois dias. O corpo dele foi localizado durante buscas feitas por outros motoristas com apoio da polícia, depois que o carro da vítima foi encontrado abandonado no bairro Monte das Oliveiras, na Zona Norte.

O corpo do motorista apresentava perfurações na região do tórax, do pescoço e estava em estado de decomposição. Uma faca que pode ter sido utilizada no crime foi apreendida.

Na manhã deste sábado, diversos motoristas de aplicativo se reuniram na entrada do IML, à espera da liberação do corpo da vítima. Eles estacionaram os carros na rua em protesto para cobrar segurança.

Nayara Ramos, esposa da vítima, disse ao G1 que Ramos era uma pessoa tranquila e que não costumava chegar tarde em casa.

"Estranhei quando deu 19 horas e ele não chegou. Está tudo muito triste, muito triste. Meus filhos perguntam pelo pai, sentem falta, choram. Ninguém sorri mais", disse. Ele deixa cinco filhos.

Adolescente apreendido

Ainda na tarde desta sexta, um adolescente de 16 anos foi apreendido no mesmo bairro onde o carro de Higson Ramos foi encontrado. De acordo com o capitão Adriano Leonidas, da Ronda Ostensiva Cândido Mariano (Rocam), o jovem foi localizado após uma denúncia anônima.

"Fizeram uma denúncia para a filha da vítima de que os suspeitos teriam desembarcado no bairro Monte das Oliveiras. Através de diligências, chegamos até esse menor. Ele confessou que tratou-se de um latrocínio. Assassinaram a vítima para roubar o carro e os pertences. E chegou a confessar que há outras pessoas envolvidas. Chegamos a ir nas residências que ele indicou, porém, os mesmos não estavam mais nos locais", disse.


O jovem foi conduzido para a Delegacia Especializada em Apuração de Atos Infracionais (DEAAI).



* POR G1 AM

Nenhum comentário