últimas

EM JORNAL NACIONAL DEDICADO A CASO BOLSONARO E MARIELLE, REDE GLOBO RECUA E JOGA TODA A RESPONSABILIDADE PARA O PORTEIRO

 ESSA PELEJA SÓ ESTÁ COMEÇANDO: BOLSONARO E REDE GLOBO
Um dia depois de reproduzir reportagem que mostra um suposto envolvimento da família Bolsonaro nos assassinatos de Marielle Franco e Anderson Gomes, o Jornal Nacional, da Rede Globo, recuou e se limitou a reproduzir a versão oficial do Ministério Público do Rio de Janeiro, do Ministério da Justiça e da família Bolsonaro. O caso ocupou a maior parte do telejornal nesta quarta-feira (30).

A reação exacerbada de Jair Bolsonaro, que ameaçou até mesmo romper o contrato de concessão com a Globo, fez com que o canal recuasse e apresentasse apenas a versão oficial, que desmente o envolvimento do presidente no caso Marielle. Após fazer uma retrospectiva da reportagem reproduzida na terça-feira, o JN divulgou prontamente um vídeo feito por Carlos Bolsonaro desmentindo o porteiro.

Em seguida, o telejornal deu a versão do Ministério Público, que aponta que o funcionário do condomínio Vivendas da Barra mentiu nos depoimentos prestados à Polícia Civil e que ele não falou com Jair Bolsonaro. A investigação teria sido concluída nesta quarta, apenas depois que o JN divulgou a matéria.

Por último, ainda falou o procurador Augusto Aras, que também descartou qualquer elo entre Bolsonaro e o caso.
A reportagem não procurou o delegado do caso e não ouviu a Polícia Civil, responsável pelas investigações. Desta forma, reproduziu apenas as versões favoráveis ao presidente da República.
*FORUM

Nenhum comentário