Aconteceu!

"VACINA DE VENTO": FILHA DE IDOSA DENUNCIA APLICAÇÃO SEM O IMUNIZANTE

 

Foto: Reprodução

Mais uma denúncia de “vacina de vento” foi relatada. A filha de uma idosa de 87 anos afirma que a mãe não recebeu a dose contra a Covid-19. De acordo com ela, o profissional apenas enfiou a agulha no braço, mas não injetou o líquido. O caso ocorreu em Praia Grande, litoral de São Paulo.  

Nas imagens, é possível notar que o profissional enfia a agulha no braço da senhora e, prontamente, retira o objeto, mas não aperta a seringa para injetar o imunizante. 

O enfermeiro chega a perguntar a idosa se a vacina doeu. A senhora responde que foi “rápido demais”. 

A filha que acompanhava filmou a ação. “Só que pera aí, não fez”, disse ela após o enfermeiro finalizar o procedimento. Após isso, uma segunda aplicação foi feita no outro braço da senhora, aplicando o imunizante da forma correta. 

Em nota, a Secretaria Municipal de Saúde afirmou que está investigando o caso, mas reitera que isso pode ocorrer quando se trata de medicamentos injetáveis e que o profissional é um aluno de enfermagem. 

"Na hora de introduzir a vacina, [ele] percebeu que a agulha estava entupida, o que pode acontecer em qualquer procedimento injetável. De imediato, comunicou ao seu professor e profissional responsável, e trocou o material por uma nova seringa e realizou a aplicação em outro local, uma vez que o primeiro braço já havia recebido uma picada", afirmou a administração.


Plox*

Nenhum comentário