Aconteceu!

2 x 0: MENGÃO CANSA NO SEGUNDO TEMPO, JOGA MAL, MAS VENCE O CUIABÁ FORA DE CASA

FOTO: ALEXANDRE VIDAL/FLAMENGO

Um Flamengo bipolar. Que atrai elogios e críticas no mesmo jogo. Assim tem sido a rotina da equipe, que voltou a vencer, mas também a irritar no Campeonato Brasileiro. Nesta quinta-feira, o time parecia que golearia o Cuiabá, após um início arrasador, mas foi só marcar logo cedo com Pedro que pisou no freio, caiu de produção, perdeu gols, e assistiu ao adversário jogar no segundo tempo. O placar de 2 a 0 só veio nos acréscimos, com Thiago Maia.

A atuação irregular teve novamente o dedo do técnico Rogério Ceni, que precisou sacar Diego no começo da etapa final, por lesão, e aproveitou para tirar também João Gomes, que vinha bem. O Flamengo perdeu completamente o meio-campo para o Cuiabá, que se antes mal conseguia sair de sua defesa, tamanha a pressão, na etapa final teve mais posse de bola e por pouco não empatou.

O resultado deixa o Flamengo na sexta posição, com 12 pontos, a seis do líder, com dois jogos a menos. No fim de semana, tem Fla-Flu.

Rogério Ceni até conseguiu dar um padrão de jogo para a equipe mesmo repleto de desfalques por causa das convocações. Mas a forma de o Flamengo atuar está relacionada à estratégia de também se preservar para jogos mais importantes.

Diante do Cuiabá, a equipe começou em alta voltagem, com marcação pressão na saída de bola. Deu certo. E Bruno Henrique iniciou jogada que terminou com passe de João Gomes para Pedro arrematar. Houve ainda duas chances com Bruno Henrique, desperdiçadas.

Substituto de Gerson, o jovem João Gomes apareceu mais até na criação, e se consolidava na equipe. Mas Ceni o sacou ao tirar também Diego, que torceu o joelho. E o time levou sufoco até o fim.


*Extra

Nenhum comentário