Aconteceu!

CABO DO EXÉRCITO É DETIDO PELA MORTE DE QUATRO PESSOAS EM ACIDENTE NO AMAZONAS


Foto: Reprodução

O suspeito de matar na madrugada de domingo (18), quatro pessoas, sendo duas jovens identificadas como Beatriz Bezerra da Silva, 18; Vitória Elen Nascimento Dantas, 19; e dois policiais militares, Aílton Neves Magalhães, 29; e Sandro Pereira Santas, 36, na estrada do Crato, em Tapauá, no Amazonas, já está detido.

Segundo informações do delegado Mário Melo, na ocasião do fato, um veículo da marca Chevrolet, modelo Montana, que estava em alta velocidade, atingiu as vítimas em uma via pública. A jovem Beatriz e os policiais militares foram a óbito no momento, já Vitória foi encaminhada a uma unidade hospitalar do município, mas veio a óbito pouco tempo depois.

O delegado informou ainda, que o autor do crime foi identificado como Marcos de Lima Couto, de 25 anos, que é cabo do Exército. O resultado do laudo médico constatou que o mesmo estava embriagado no momento do acidente, sendo assim, ele foi autuado em flagrante pelo crime de homicídio doloso com modalidade de dolo eventual em concurso formal e, pelo fato de ser cabo das forças armadas, foi encaminhado ao 54º Batalhão de Infantaria de Selva, onde encontra-se custodiado, à disposição da Justiça.

O suspeito de matar na madrugada de domingo (18), quatro pessoas, sendo duas jovens identificadas como Beatriz Bezerra da Silva, 18; Vitória Elen Nascimento Dantas, 19; e dois policiais militares, Aílton Neves Magalhães, 29; e Sandro Pereira Santas, 36, na estrada do Crato, em Tapauá, no Amazonas, já está detido.

Segundo informações do delegado Mário Melo, na ocasião do fato, um veículo da marca Chevrolet, modelo Montana, que estava em alta velocidade, atingiu as vítimas em uma via pública. A jovem Beatriz e os policiais militares foram a óbito no momento, já Vitória foi encaminhada a uma unidade hospitalar do município, mas veio a óbito pouco tempo depois.

O delegado informou ainda, que o autor do crime foi identificado como Marcos de Lima Couto, de 25 anos, que é cabo do Exército. O resultado do laudo médico constatou que o mesmo estava embriagado no momento do acidente, sendo assim, ele foi autuado em flagrante pelo crime de homicídio doloso com modalidade de dolo eventual em concurso formal e, pelo fato de ser cabo das forças armadas, foi encaminhado ao 54º Batalhão de Infantaria de Selva, onde encontra-se custodiado, à disposição da Justiça.

Fonte: Portal do Holanda

Nenhum comentário