Aconteceu!

CASO FLÁVIO: JUSTIÇA RETOMA AUDIÊNCIA E ALEJANDRO VALEIKO É INTERROGADO EM MANAUS


Nesta segunda-feira (25), a Justiça retoma o julgamento dos envolvidos no caso Flávio Rodrigues dos Santos, morto em setembro de 2019. O início da audiência está marcado para as 9h no Fórum de Justiça Ministro Henoch Reis, localizado na avenida Jornalista Umberto Calderaro Filho, bairro São Francisco, zona Sul de Manaus. \

A última audiência no dia 28/09, foi suspensa por determinação do ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), após ter sido solicitado pela defesa dos réus.

Nesta retomada da audiência, está previsto o depoimento de oito testemunhas de defesa, que não compareceram da última vez, e cinco réus.

A audiência irá ocorrer de modo presencial e de acordo com o magistrado, serão interrogados primeiros os réus presos e depois os que estão respondendo em liberdade. Pela ordem, o juiz Celso Souza de Paula, irá ouvir as testemunhas de defesa e por último irá interrogar os réus.

Além dos réus Alejandro Molina Valeiko e Paola Molina Valeiko, serão ouvidos também José Edvandro Martins de Souza Júnior, Mayc Vinícius Parede e Elizeu da Paz de Souza. Todos são acusados de participarem do assassinato do engenheiro.

AUDIÊNCIA

Nos dias 25 e 26 de novembro de 2020, foi marcado o início da fase de audiência de instrução da Ação Penal n.º 0654422-21.2019.8.04.0001.

Na época, a primeira vez que foi adiada, o Juízo remarcou para dezembro de 2020, acolhendo pedido da defesa dos réus para que tivessem acesso às mídias que se encontravam em poder do Ministério Público Estadual.

A data escolhida para nova audiência foi dia 15 de dezembro de 2020, mas também sofreu alteração. Em nenhuma das datas adiadas, a audiência chegou a ser iniciada.

Neste ano, a audiência para a instrução do caso foi marcada novamente para os dias 27, 28 e 29 de julho a fim de ouvir as testemunhas indicadas pelo Ministério Público e as de defesa, além de proceder com o interrogatório dos réus.

Essa chegou a ser iniciada em julho, mas como algumas testemunhas de defesa não foram localizadas, os trabalhos foram suspensos e remarcados novamente para prosseguir em outra data, sendo 1.º e 2 de setembro.

Porém, nesta última data, a defesa do réu Elizeu da Paz apresentou requerimento pedindo adiamento devido a um problema de saúde do réu.

Com isso a audiência foi novamente remarcada, desta vez para os dias 28 e 29 de setembro, sendo suspensa pelo ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF).


*CM7 BRASIL

Nenhum comentário