Aconteceu!

PAIS ACUSAM FISIOTERAPEUTA DE OUTRAS AGRESSÕES E PEDEM PRISÃO EM MANAUS

Mãe conta que terapeuta comia o lanche da criança - Foto: Reprodução


Um grupo de pais que tiveram os filhos autistas agredidos por uma terapeuta na Speciale Clínica Multidisciplinar, se reuniram na manhã desta sexta-feira (8), na frente do 22° DIP, para pedir a prisão da profissional Samia Watanabe.

Os manifestantes estão revoltados pelo fato da mulher ainda está em liberdade, mesmo com vídeos que supostamente comprovam as agressões contra várias crianças atendidas por ela.

Uma das mulheres revelou durante entrevista que assistiu a imagens onde a mulher não só agredia a filha dela, como também comia o lanche que ela enviava para a criança.

Um homem que também pagava tratamento para o filho autista de 8 anos no local, conta que viu o filho acuado, levando puxões e tapas de Samia.




Desde a denúncia do primeiro caso, feita em julho deste ano, vários pais estão indo à clínica solicitar as imagens das câmeras de segurança da sala onde Samia atendia.

O grupo apelou ao Ministério Público e as autoridades que interfiram no caso e agilizem a prisão da terapeuta.

*PORTAL DO HOLANDA

Nenhum comentário