Aconteceu!

RISCO DE MORTE CRESCE 13 VEZES PARA IDOSOS NÃO VACINADOS

 

Risco de morte por Covid cresce 13 vezes para idosos não vacinados na Itália Foto: ANSA / Ansa - Brasil

O risco de morrer por Covid-19 na Itália é 13 vezes maior para os idosos com mais de 80 anos que não tomaram a vacina contra o novo coronavírus Sars-CoV-2. A informação foi divulgada neste sábado (9) pelo Instituto Superior de Saúde (ISS) no Twitter.

Segundo as autoridades sanitárias italianas, a taxa de mortalidade entre os idosos maiores de 80 anos não vacinados é de 129,5 contra 9,8 entre os imunizados por 100 mil cidadãos.

A maioria dos casos notificados nos últimos 30 dias no território italiano foi diagnosticada em pessoas não vacinadas. Além disso, a letalidade da Covid-19 cresce com o aumento da idade e é maior em homens a partir da faixa etária de 30 a 39 anos.

Entre os idosos com mais de 80 anos, a taxa de hospitalização em um mês foi oito vezes maior entre os não vacinados do que entre os vacinados com ciclo completo (222,5 contra 26,8 hospitalizações por 100 mil habitantes).

Desta forma, o ISS ressalta que a eficácia das vacinas foi confirmada com "forte redução do risco de infecção em pessoas totalmente vacinadas em comparação com não vacinadas", sendo 78% para diagnóstico, 93% para hospitalizações, 95% para terapia intensiva e óbitos.

O relatório indica também a desaceleração da pandemia na Itália nas últimas semanas. A incidência semanal a nível nacional está diminuindo e passou de 39 por 100 mil habitantes para 34. O índice de transmissão (RT) médio calculado sobre os casos sintomáticos também apresentou queda - hoje tem um valor médio de 0,83 e se mantém estável, com base nos casos e internações.

Desde o início da emergência sanitária, a Itália registrou 4.695.291 casos confirmados e 131.228 óbitos.






Nenhum comentário