Aconteceu!

LILIANE ARAÚJO PODE TER PRATICADO CALÚNIA E MÁ-FÉ DE OLHO NA VAGA DE NICOLAU

 

Foto: Reprodução - BNC

O deputado estadual Ricardo Nicolau pode acionar a Justiça contra a jornalista e política Liliane Araújo. Ela divulgou à mídia que o parlamentar havia deixado o PSD para se filiar ao partido Solidariedade “sem justa causa”, cometendo, portanto, infidelidade partidária.

Como resultado, Liliane quer a cadeira de Nicolau na Assembleia Legislativa (ALE-AM). Para isso, entrou nesta terça (21) com uma ação no Tribunal Regional Eleitoral (TRE-AM) requerendo o ano restante do mandato do deputado.

Hoje sem partido, em 2018 Liliane disputou a eleição pelo PSD. Dois anos depois estava no PSL, para logo depois sair da legenda. Em ambas eleições não obteve sucesso.

Conforme apurou o BNC Amazonas, Nicolau não tem mínimo risco de perder o mandato. Por uma razão muito simples: ele continua filiado ao PSD, que no Amazonas é comandado pelo senador Omar Aziz.

Essa informação é pública e pode ser facilmente acessada no portal da Justiça eleitoral.

Segundo Nicolau, ele realmente reafirma intenção de ir para o Solidariedade, conforme anúncio público que fez no final de outubro último. Contudo, tal mudança só pode ser realizada na janela partidária, em abril de 2022.

Dessa maneira, juristas disseram ao BNC Amazonas que, além de denunciação caluniosa, Liliane também agiu de má-fé, em litigância sem sentido. Por isso, possível ação de Nicolau pode render a ela, no limite, até mesmo pena de prisão.

Além disso, especialistas do direito eleitoral apontam que Liliane, que não encontrou um partido para se filiar desde que deixou o PSL, não possui legitimidade para mover ação desse tipo.

Antecipando 2022

Aliados do deputado avaliam que Liliane está sendo usada como instrumento de grupos políticos que trabalham para inviabilizar os planos de Nicolau.

Ele já manifestou desejo de concorrer ao Governo do Estado em 2022 e, segundo seus aliados, vem crescendo nas pesquisas de pré-campanha.

O site buscou contato com Liliane sobre a manifestação de Nicolau. Até este ainda não obtivemos retorno. Espaço fica assegurado nesta matéria.




Nenhum comentário