Aconteceu!

LUIS MITOSO SOLICITA AUDIÊNCIA PÚBLICA PARA DEBATER SERVIÇO PRECÁRIO DE INTERNET NO AM



O vereador Luis Mitoso (PTB) protocolou na Câmara Municipal de Manaus Requerimento número 2.527 solicitando Audiência Pública para debater o péssimo serviço de internet prestado em Manaus e no Amazonas. O tema veio à baila nesta quarta-feira (23), após mais um ‘apagão’ registrado na cidade de Manaus, na terça. 
 O fato repercutiu negativamente em todo o estado prejudicando usuários, além de perdas significativas às empresas e negócios locais. “Essa não é a primeira vez que isso acontece. Milhares foram prejudicados com mais este apagão. Dos serviços essenciais ao empresarial sofreram com esse desrespeito das empresas de telefonia. 

Por este motivo, estou solicitando essa audiência pública. É inadmissível que soframos com ‘apagões’ como esse que aconteceu nesta terça-feira”, disse o parlamentar. Luis Mitoso chamou a atenção para um Relatório divulgado pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) que coloca o Amazonas como um dos piores na prestação deste serviço do Brasil.

 “Defendi e seguirei defendendo aqui na Câmara uma prestação de serviços de internet de qualidade na cidade de Manaus. 
Segundo Relatório da Anatel, do ano passado, o Amazonas é o estado que tem a pior cobertura de telefonia móvel no Brasil. Essa situação não é nova, mas histórica.


 Lembrando que em junho de 2020, o Ministério Público Federal ajuizou ações civis públicas contra cinco operadoras por ter identificado, em 54 municípios do Amazonas, a precariedade dos serviços de telefonia móvel, demonstrando que a sua prestação é feita fora dos parâmetros estabelecidos pela Agência Nacional de Telecomunicações”, sustentou o vereador. 

Serão convidados para integrar a Audiência Pública representantes do Ministério Publico Federal do Amazonas, Gerência Regional da Anatel para o Amazonas, Instituto de Defesa do Consumidor do Amazonas (Procon/AM), Conselho Municipal de Desenvolvimento Urbano, representantes da Comissão de Defesa do Consumidor da Câmara Municipal de Manaus e representantes das empresas de telefonia móvel e Internet que operam em Manaus.

Nenhum comentário