Aconteceu!

MOTORISTA DE APLICATIVO ESCAPA POR PORTA-MALAS APÓS SER SEQUESTRADO EM MANAUS

Foto: Reprodução

Manaus – Na noite desta quarta-feira (5), assaltantes que fizeram refém um motorista de aplicativo foram presos por policiais da Rondas Ostensivas Cândido Mariano (ROCAM) em um poste de gasolina da Atem, na avenida Itaúba, Jorge Teixeira, zona Leste de Manaus. Na ocasião, a quadrilha foi presa graças à vítima que conseguiu fugir do porta-malas do próprio veículo, onde ficou refém.

Segundo conta a vítima, os bandidos emboscaram o motorista de aplicativo solicitando uma corrida. Para isso, os meliantes usaram um telefone roubado que apresentava a avaliação de uma pessoa 5 estrelas – um usuário frequente e seguro para os motoristas que trabalham no ramo – e pediram uma corrida que começava a partir do Shopping Via Norte e ai em direção ao supermercado Atack. No entanto, ao chegar no local, o trabalhador achou estranho duas pessoas estarem embarcando em seu veículo. Mesmo pedindo para o suspeitos confirmar seus dados, o motorista caiu na lorota e deixou os bandidos embarcarem.

Ele conta que a corrida ainda ocorreu normalmente ao longo do trajeto e que as coisas só voltaram a ficar estranhas próximas do fim do percurso. Antes de chegarem, os jovens pediram para o motorista deixá-los em um rua atrás do Supermercado e avanças adiante ao ponto de destino. Os bandidos até fingiram que iriam pagar. Quando o motorista parou o carro, os bandidos iniciaram o assalto e começaram a revistar o trabalhador que logo foi colocado no porta-malas do carro e ficou bastante tempo em pânico.

Após os bandidos fazerem uma parada em uma zona de comércio, a vítima conta que conseguiu destravar o porta-malas e logo fugiu pedindo ajuda para os donos de um mercadinho local. Deste momento em diante, ele ligou para familiares e acionou o serviço de rastreamento do veículo, que travou o carro. Não demorou muito e os seguranças do rastreamento, em apoio com a polícia, encontraram os bandidos em um posto de gasolina e de lá deram a voz de prisão.

Os criminosos fora apresentados agora no 14º Distrito Integrado de Polícia (DIP).

*CM7

Nenhum comentário