TCE

TCE

Aconteceu!

MIKE TYSON NÃO ENFRENTARÁ ACUSAÇÕES POR AGRESSÃO EM AVIÃO NOS EUA

 

Getty images

O ex-campeão de boxe Mike Tyson não enfrentará nenhuma acusação por agredir um passageiro em um avião no mês passado nos Estados Unidos, informou um promotor da Califórnia.

A decisão foi tomada com base nas circunstâncias do acidente, "incluindo a conduta da vítima que levou ao incidente, a interação entre o senhor Tyson e a vítima", disse o promotor Steve Wagstaffe em comunicado enviado à AFP.

Tyson, um ex-campeão dos pesos-pesados, socou repetidamente um passageiro que insistia em falar com ele em um avião prestes a decolar de São Francisco em 20 de abril a caminho da Flórida.

Vídeos de pessoas a bordo do avião mostram "Iron Mike" inclinado sobre o encosto de seu assento socando várias vezes seguidas um homem identificado pela imprensa como Melvin Townsend, de 36 anos.

De acordo com depoimentos colhidos pela mídia local, o homem tentou se aproximar do boxeador de 55 anos, que inicialmente foi amigável, mas reagiu contra o passageiro após provocações.

O promotor observou que Townsend sofreu ferimentos leves na cabeça, mas que ele e Tyson pediram para que não fosse apresentada nenhuma queixa.

Wagstaffe disse que revisou relatórios da polícia de São Francisco e do gabinete do xerife do condado de San Mateo, assim como "vários vídeos de autoridades e outros [passageiros] no avião".

"Esse caso não deve ser tratado pela justiça criminal", declarou Wagstaffe ao Los Angeles Times. "Se as partes quiserem entrar com uma ação civil, podem fazê-lo independentemente desta decisão."

Considerado um dos maiores pesos-pesados de todos os tempos, Tyson também ganhou as manchetes por episódios pessoais, como quando mordeu um pedaço da orelha de Evander Holyfield em uma luta em 1997, seu vício em cocaína e uma condenação por estupro em 1992.


Correio Braziliense*

Nenhum comentário