Aconteceu!

COM UM ABRAÇO NA BOLA DO PRODUTOR, IDOSOS PEDEM FIM DA VIOLÊNCIA CONTRA A 3ª IDADE

 


“Ser feliz, com decência e não ser vítima da violência”. Foi ao ritmo de Asa Branca, de Luiz Gonzaga, que os idosos de diversas associações de Manaus pediram respeito para a terceira idade como forma de lembrar o Dia Mundial de Conscientização da Violência contra a Pessoa Idosa. 

A data foi instituída em 2006, pela Organização das Nações Unidas (ONU) e pela Rede Internacional de Prevenção à Violência à Pessoa Idosa, vítimas constantes de violência física, psicológica e patrimonial.


Para ressaltar a necessidade de coibir a violência contra as pessoas acima dos 60 anos, os associados de vários grupos de Manaus realizaram a 15• Caminhada dos Idosos de Manaus. Na ocasião, eles defenderam mais atenção dos serviços públicos para com as pessoas acima dos 60 anos. 


Um respeito que, desde cedo, o cirurgião-dentista e pré-candidato, Mike Ezequias, Dr. Mike ensina para seus filhos e defende por onde passa.

“Um dia nós chegaremos, se Deus quiser nessa idade, seremos idosos. E eu quero chegar lá sendo bem tratado e respeitado por todos. Temos que chamar a atenção da sociedade, de todos para esse respeito e carinho com os nossos idosos. Temos que protegê-los da violência e da falta de cuidado, para que eles possam viver com mais dignidade e com mais alegria. Eu apoio os idosos. Temos uma associação no bairro do Coroado onde damos toda a assistência e atenção possível para nossos senhores e senhoras. Estamos sempre atentos as demandas desse público”, disse Dr. Mike. 


A presidente da Associação dos Idosos do Coroado(ASSIC), Maria Dos Anjos da Silva,71, lidera um grupo de 269 pessoas que realizam diversas atividades na associação localizada no bairro Coroado. “Nós temos diversas atividades desenvolvidas no vapor, como corte e costura, entre outras. “Fazendo hidroginástica, participando de palestras, cursos… tudo para melhorar e ajudar a fazer com que o idoso ‘resjuvelheça’. Eu me sinto muito bem e tenho a certeza de que grupos como esse ajudam as pessoas como eu”, disse. 


Violência


Conforme dados da Secretaria de Segurança Pública (SSP-AM), Manaus registrou, até maio de 2021, 3.568 ocorrências envolvendo violência contra idosos. Por dia, a média era de 23 ocorrências criminais contra o público da terceira idade. 


 “Os idosos têm direito a tudo. Tem direito à educação, lazer, segurança, e tem direito de ir e vir. Os maiores índices de violência contra os idosos ocorrem dentro da própria casa, com a família. Os próprios filhos cometem crimes contra os pais, pegando o cartão da aposentadoria deles, não dando o que o idoso precisa para o seu dia dia, uma verdadeira violência patrimonial. Isso tem que acabar”, disse Maria Isabel Nunes.


Outro tipo de desrespeito com os idosos pode ser constatado, diariamente, no sistema de transporte público. “Muitos idosos reclamam que os motoristas de ônibus não param para eles. Se param, para bem longe. Tratam mal a quem deveriam ter respeito, pelo menos, por sua história de vida. Eles esquecem que daqui algum tempo eles também serão idosos e sofrerão as mesmas coisas pelas quais eles estão fazendo com as pessoas da terceira idade”, disse Maria Isabel Nunes.



Nenhum comentário