Aconteceu!

VÍDEO: ‘NÃO PENSEM MAL DE MIM’; BOLSONARO DESAPROVA FECHAMENTO DE RODOVIAS

Presidente Jair Bolsonaro em pronunciamento sobre fechamento de rodovias. (Foto: Reprodução)

Brasil – Com a legenda “desobstruam as rodovias”, o presidente Jair Bolsonaro (PL) publicou um vídeo nas redes sociais, nesta quarta-feira (2), falando sobre as manifestações de bolsonaristas que estão bloqueando rodovias em protesto contra a decisão eleitoral, que elegeu Luiz Inácio Lula da Silva (PT) para a presidência do país.

Citando a Constituição, o presidente Jair Bolsonaro comentou que o fechamento das rodovias prejudica o direito de ir e vir das pessoas e também a economia.

“Sei que vocês estão chateados, estão tristes [..] mas temos que ter a cabeça no lugar. Os protestos, as manifestações são muito bem-vindas. Fazem parte do jogo democrático […] mas tem algo que não é legal. O fechamento de rodovias pelo Brasil, prejudica o direito de ir e vir das pessoas. Tá la na Constituição”, disse o presidente.

“Tem que respeitar o direito de outras pessoas que estão se manifestando, além de prejuízo da nossa economia […] eu quero fazer um apelo a você desobstrua as rodovias. Isso dai não faz parte do meu entender das manifestações legitimas “, concluiu.

Ainda durante o pronunciamento o presidente Bolsonaro também pediu que as pessoas não pensassem mal dele.

“Prejuízo todo mundo está tendo com essas rodovias fechadas. O apelo que eu faço a você desobstrua as rodovias, protestem de outra forma em outros locais que isso é muito bem-vindo e faz parte da democracia. Por favor, não pensem mal de mim, eu quero o bem de vocês”, disse Bolsonaro.

Assista o pronunciamento na integra:

Na primeira manifestação pública desde o fim das eleições, Jair Bolsonaro havia dito que as interdições de rodovias pelo país eram “fruto de indignação e sentimento de injustiça de como se deu as ultimas eleições”, mas na ocasião, já havia condenado os atos ao afirmar que os protestos não podem seguir os “métodos da esquerda.

“As manifestações pacíficas serão bem vindas, mas os nosso métodos não podem ser o da esquerda, que sempre prejudicou a população, como invasão de propriedades, destruição de patrimônio e cerceamento do direito de ir e vir”, disse Bolsonaro, no breve comunicado de dois minutos no Palácio da Alvorada.


*PORTAL TUCUMà

Nenhum comentário