Aconteceu!

VÍDEO: PESCADORES MORREM CARBONIZADOS DENTRO DE EMBARCAÇÃO

Foto: Divulgação Redes Sociais

Brasil – Um incêndio de grandes proporções deixou dois pescadores mortos nesta segunda-feira (5) no Rio Grande do Sul. O caso aconteceu devido problema na bomba de gasolina em uma embarcação na praia do Cassino, próximo ao farol de Sarita, na cidade de Rio Grande.

As vítimas foram identificadas como João Carlos dos Santos e Carlos Argino Monteiro Júnior que morreram tentando salvar a embarcação.

Segundo informações, as chamas começaram quando os pescadores tentavam fazer a retirada do combustível do tanque do barco. Porém, eles ficaram presos dentro da casa de máquinas e foram queimados vivos.

A embarcação estava encalhada desde o último sábado (3). Outros pescadores conseguiram conter o fogo.

Por conta de um vazamento de combustível, a Capitania dos Portos foi encaminhada para amparar os pescadores para retirar o óleo diesel do barco. De acordo com a Defesa Civil, a embarcação continha cerca de 500 litros de combustível, e com o possível vazamento, resultaria em um crime ambiental.

O Sindicato dos Armadores e das Indústrias da Pesca de Itajaí e Região (SINDIPI) emitiu uma nota de pesar sobre as vítimas do incêndio.

Confira nota na íntegra

“É com profundo pesar que informamos o falecimento dos associados João Carlos dos Santos e Carlos Argino Monteiro Junior. Os armadores faleceram na tarde desta segunda-feira (05) na casa de máquinas da embarcação Caetano 1, que havia encalhado um dia antes na praia do Cassino, no Rio Grande do Sul.

A cerimônia de despedida será realizada na Igreja Santa Terezinha, na comunidade do Araçá, em Porto Belo. O horário ainda não foi definido. O SINDIPI lamenta profundamente a perda e deseja força a todos os familiares e amigos”.

Os corpos foram removidos pela equipe do Instituto Médico Legal (IML), após passar por perícia do Departamento de Polícia Técnico-Científica (DPTC).



*PORTAL TUCUMà

Nenhum comentário