Aconteceu!

ESCOLA NORMAL SUPERIOR DA UEA INAUGURA BIBLIOTECA REVITALIZADA

(Foto: Daniel Brito/Ascom UEA)

Amazonas – A Escola Normal Superior da Universidade do Estado do Amazonas (ENS/UEA) inaugurou, nessa sexta-feira (20), a nova biblioteca da unidade de ensino. Além da ampliação, que fez com que a sala passasse de 60m² para 226,4m², e da revitalização do espaço. A biblioteca, agora, conta com ferramentas de automação para auxiliar no empréstimo de livros.

A reitora da UEA em exercício, Prof.ª Dra. Kátia Couceiro, agradeceu aos presentes e reafirmou o sentimento de gratidão e felicidade de toda a gestão superior, que tem à frente o Prof. Dr. André Zogahib, pela inauguração da biblioteca.

“Parabenizo a comunidade acadêmica da UEA por mais essa conquista. Isso é algo que queríamos muito realizar e, graças ao esforço coletivo, alcançamos nosso objetivo. A gestão está de portas abertas para recebê-los. E saibam que faremos tudo o que estiver ao nosso alcance para seguirmos avançando cada vez mais. Aproveitem este momento e este espaço, que é de todos nós”, pontuou.

O diretor da ENS, Prof. Dr. Otávio Rios, destacou que o papel de atuação da gestão superior tem sido primordial para o processo de valorização e fortalecimento das atividades da unidade acadêmica.

“A nossa biblioteca triplicou de tamanho. Não cresceu somente quantitativamente, mas, sobretudo, qualitativamente. Novos ambientes foram criados pra atender às necessidades dos estudantes e professores. Além disso, outras manutenções pontuais são realizadas com frequência e muito mais está por vir. A comunidade acadêmica encontra-se muito feliz. Este é um momento de celebração”, disse.

A diretora-geral do Sistema Integrado de Bibliotecas (SIB/UEA), Sheyla Lobo, destacou a importância da reestruturação promovida no local. “A ENS está vivendo um momento histórico. Agora, participamos de um novo cenário: uma biblioteca interativa, dinâmica, com capacidade ampliada e novas ferramentas que auxiliarão a vida dos estudantes da nossa unidade”, comentou.

Ela também falou sobre a evolução em relação ao antigo espaço. “A capacidade, por exemplo, aumentou de seis para 60 alunos. Antes, a sala funcionava mais como um acervo bibliográfico do que uma biblioteca propriamente dita, uma vez que não contemplava todas as características que cabem a uma biblioteca de fato. Agora, temos ferramentas de autoatendimento, onde é possível realizar um empréstimo em dois minutos, bem como empréstimo de livros via celular”, continuou.

“Implementamos novos espaços, como um exclusivo para Pessoas com Deficiência (PcDs), laboratório de informática, sala de estudos em grupo, sala de interatividade e um espaço retrô, cuja implementação era inimaginável dentro das dimensões da antiga biblioteca”, concluiu Sheyla Lobo.

Estiveram presentes os pró-reitores de Ensino de Graduação, Prof. Dr. Raimundo Barradas; de Interiorização, Prof. Dr. Valber Martins; de Pesquisa e Pós-graduação, Prof. Dr. Roberto Mubarac; de Planejamento, Prof.ª Dra. Joésia Pacheco; o coordenador de Qualidade do Ensino da ENS, Prof. Dr. Márcio dos Santos; o diretor da Agência de Inovação, Prof. Dr. Antônio Mesquita; e o diretor da Prefeitura Universitária, Reynold Pacheco.



*PORTAL TUCUMà

Nenhum comentário