Aconteceu!

LAUDO CONFIRMA QUE MENINA DE 6 ANOS MORTA PELA MÃE EM MANAUS JÁ HAVIA SOFRIDO VIOLÊNCIA SEXUAL

 


Foto: divulgação
A morte da pequena Isabelly Eloize Soares Freitas, de apenas 6 anos, morta asfixiada pela própria mãe Isabelly Eloize Soares Freitas, nesta segunda-feira (2), em Manaus, trouxe à tona a confirmação de violência sexual sofrida pela criança.

Nesta quarta-feira (4), a delegada Joyce Coelho afirmou que laudos do Instituto Médico Legal (IML), além de apontar o abuso, indicam que o crime não é recente.

A mãe da criança justificou ter matado a própria filha alegando que estava sofrendo de depressão.

Em depoimento na Delegacia Especializada em Proteção a Criança e ao Adolescente (DEPCA), a mãe alegou que planejava tirar a própria vida e que não queria deixar a criança sozinha, ela ainda pediu para que o pai ficasse com Isabelly mas ele estava viajando e ela acabou cometendo o crime

Conforme a delegada Joyce Coelho, ao confessar o crime a mãe detalhou a morte da criança. "Ela conta que sentou com a criança na cadeira, pediu perdão da criança e a asfixiou com o próprio braço".

Após a morte da criança que ainda chegou a ser levada para o Hospital Joãzinho, os médicos suspeitaram que a criança sofreu abuso e acionaram a polícia. Nesta quarta-feira (4), a delegada Joyce Coelho afirmou que laudos do Instituto Médico Legal (IML ) confirmam a violência sexual, porém indicam que o crime não é recente.

O estupro será investigado. De acordo com a delegada, o pai e o padrasto da criança cederam material genético para comparação do que foi encontrado no corpo de Isabelly.

Nenhum comentário