Aconteceu!

MULHER FINGE ESTAR MORTA PARA FUGIR DE EMPRÉSTIMO MILIONÁRIO

(FOTO: Reprodução/ Ifunanya Abigail Okafor/Facebook)


Mundo – As contas não dão trégua e se mantêm, crescendo dia após dia. Muitas vezes, os empréstimos se tornam a principal solução para quitar aquele pagamento atrasado, mas muitas das vezes acaba se tornando uma bola de neve e virando só mais uma despesa. E foi o que uma mulher resolveu fazer para fugir das dívidas, porém, ela tomou outra atitude mais drástica.

Liza Dewi Pramita forjou a própria morte para fugir de uma dívida bastante alta, na Indonésia. Em seu plano mirabolante, ela pediu que a filha tirasse uma foto sua, vestida de cadáver, e postasse no Facebook. As informações são do jornal local Indonesia Posts English.

O objetivo da publicação seria para a pessoa, que ela devia 4,2 milhões de Rúpias Indonésias (equivalente a R$ 1,4 mil), visse que Liza estaria morta e desistisse da cobrança.

A cena protagonizada pela mulher é surpreendente, pronta para um verdadeiro velório. Nas imagens, é possível ver a mulher com algodões no nariz, cabeça coberta por um tecido branco e olhos fechados.

“Havia muitas coisas estranhas. Por isso que, na época, eu não consegui acreditar imediatamente. Quando liguei para o marido dela para fazer uma videochamada, ele não quis desligar imediatamente”, disse a mulher que fez o empréstimo a Liza à imprensa local.

Ao emprestar o dinheiro, Maya explicou a Liza que o pagamento deveria ser feito até 20 de novembro de 2022, porém, a ‘caloteira’ não cumpriu a promessa e passou a ser cobrada por diversas vezes. Liza, então, se justificou dizendo que tinha passado por problemas para conseguir o valor, e a data foi prorrogada para 6 de dezembro.

Foi então quando a devedora decidiu agir. No dia 11 de dezembro, foi ‘anunciada’ a morte de Liza, por meio da publicação no Facebook, no qual ela teria morrido em um acidente de carro. A filha adolescente dela compartilhou as fotos da mãe “morta” em uma maca.

Não convencida com a história, Maya decidiu investigar e descobriu que todas as fotos de Liza morta, que não aparecia seu rosto, era de imagens da internet. A mulher então foi tirar satisfação com a filha que publicou as fotos, que confessou que tudo era uma farsa.

“Ainda estou esperando a intenção dela em pagar sua dívida, embora ninguém saiba onde se encontra”, disse Maya ao descobrir que tudo se tratava de uma mentira para fugir do pagamento.

A mulher segue desaparecida, e caso for pega, pode pegar uma pena de no mínimo um ano.



*PORTAL TUCUMà

Nenhum comentário