Aconteceu!

VÍDEO: CICLISTA É ARREMESSADO AO SER ATINGIDO POR CARRO APÓS SAIR DE CASA PARA COMPRAR PÃO

Ciclista é arremessado ao ser atropelado por carro em Praia Grande (SP) — Foto: Reprodução

Um homem, de 56 anos, sofreu uma lesão na coluna cervical após ser atropelado por um carro quando pedalava uma bicicleta em Praia Grande, no litoral de São Paulo. Uma câmera de monitoramento de um comércio registrou o momento em que o carro atingiu o autônomo Antonio Carlos Alves da Silva. Ele teve uma lesão na coluna e deve passar por uma cirurgia.

 

O acidente aconteceu na Avenida Hermenegildo Pereira de França, no bairro Balneário Esmeralda, no dia 7 de janeiro. Ao g1, a filha do autônomo, Maria Angelita Germano da Silva, de 25 anos, contou que o acidente aconteceu pela manhã, logo após o pai sair de casa com o objetivo de ir até uma padaria no bairro. "Ele saiu de bicicleta para comprar pão, mas nem chegou lá, pois o carro 'pegou ele' antes".

 

Nas imagens, é possível ver que o autônomo atravessava a avenida de bicicleta quando foi surpreendido pelo carro. Ele foi arremessado no ar por conta do impacto e, na sequência, caiu imóvel no asfalto. Em seguida, tanto o motorista do veículo quanto pessoas que estavam ao redor se aproximaram para tentar ajudá-lo.


Assista:


Ainda de acordo com a filha da vítima, o proprietário de um estabelecimento próximo ao local do acidente acionou a Polícia Militar (PM) e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Silva foi levado de ambulância imediatamente até o Hospital Irmã Dulce.

 

Segundo o hospital, ele encontra-se tetraparetico, quando todos os quatro membros passam por fraqueza anormal e que pode ser causada por danos aos nervos. Silva sofreu um traumatismo raquimedular, uma lesão de estruturas neurológicas do interior da coluna vertebral, e vai passar por uma cirurgia chamada "artrodese cervical", que tem como objetivo fundir duas ou mais vértebras cervicais. O procedimento está agendado para o dia 20 de janeiro.

 

Um boletim de ocorrência (BO) sobre o caso foi registrado no mesmo dia como lesão corporal culposa [não praticada com a vontade do autor de produzir tal efeito] na direção de veículo automotor, na Central de Polícia Judiciária (CPJ) de Praia Grande (SP). 



Fonte: G1

Nenhum comentário