últimas

CONFIRA A PROGRAMAÇÃO DO PASSO A PAÇO 2019 QUE COMEÇA NESTA QUINTA-FEIRA (05)



Passo a Paço em 2018



O Festival Passo a Paço 2019 começa nesta quinta-feira (5) e vai até domingo (8). O evento integra a programação oficial de celebrações de aniversário da cidade, promovida pelo município, comemorado dia 24 de outubro.  Confira o dia de cada atração:
5 de setembro
CeeLo Green
Ludmilla
Jaloo
Roberta Miranda
6 de setembro
Emicida
Fagner
Letrux
Sidney Magal
7 de setembro
Zeca Pagodinho
Liniker e os Caramelows
Baco Exu do Blues
Guto Lima
8 de setembro – Passinho
FutParódias
Barbatuques
Raylla Araújo
Lorenzo Fortes
Marcella Bártholo
Show da Zelda
Gandhicats
Di Bubuia
Atrações Locais
Anne Jezini
Santaella
Coletivo 333
Gramophone
Elisa Maia
Baile da Papaizinha
Manauaras em Extinção
Bumba Meu Rock
Saturno
May Seven
Oblivion
Serginho Queiroz
Dan Stump
Lotus
James Rios
Sinezio Rolim
Mady e Seus Namorados
Antônio Bahia
Lary Go & Strela
Saravá
Catraia Rock
Pororoca Atômica
Raulnei e Renier de Carvalho
Mão pra Riba
Carol Amaral
‘Passinho’
Inovando, mais uma vez, e pensando no lazer e segurança de crianças e jovens, o último dia do Passo a Paço 2019, o domingo (8), será totalmente dedicado às famílias. Nesse dia, a programação cultural estará concentrada no palco Arena (estacionamento do Paço da Liberdade) e no Coreto, junto à Feira Gastronômica.
Teatro
Considerado referência nacional no teatro de bonecos, o Grupo Giramundo, que tem 50 anos de trajetória, é a proposta que o Festival Passo a Paço traz para este ano. Uma exposição comemorativa será montada no espaço do Museu do Porto, sob a administração da Prefeitura de Manaus, que realizará também a intervenção urbana nas ruas do centro histórico, onde acontece o evento, com bonecos de mais de 4 metros de altura.
Um dos grupos de teatro de bonecos mais premiados em todo o mundo, o Giramundo é uma atração para todos os tipos de públicos: do adulto ao infantil. A cada ano, além de montar um novo espetáculo, o grupo faz uma remontagem. As 950 marionetes, que já encenaram ou ainda encenam as peças do grupo, compõem o maior acervo de coleção privada do Brasil.
















Nenhum comentário