últimas

WILSON LIMA PARABENIZA MANAUS PELOS 350 ANOS E DESTACA APORTES DE R$ 500 MILHÕES EM INFRAESTRUTURA NA CAPITAL



Neste ano, o Governo do Estado lançou obras como a recuperação de parques do Prosamim e revitalização de novo trecho do Igarapé do 40







O governador do Amazonas, Wilson Lima, parabenizou Manaus pelos 350 anos, comemorados nesta quinta-feira (24), e destacou os investimentos, da ordem de R$ 500 milhões, que estão sendo feitos em obras que vão facilitar a mobilidade urbana na capital, além de intervenções nas áreas de saneamento e urbanização e melhorias na estrutura de prédios públicos. 

“Manaus merece toda a nossa atenção e nós temos trabalhado bastante para avançarmos em várias áreas na capital. Retomamos obras importantíssimas que, quando concluídas, vão impactar positivamente na vida de quem vive na cidade e na região metropolitana. Também estamos trabalhando para melhorar a saúde, uma prioridade absoluta, e também a segurança”, afirmou o governador. 

Dos cerca de R$ 500 milhões em investimentos, segundo a Secretaria de Estado de Infraestrutura e Região Metropolitana de Manaus, destacam-se as obras dos Anéis Viários Sul e Leste, que vão melhorar o trânsito de veículos leves e pesados e encurtar a distância entre o Distrito Industrial e o Aeroporto Internacional Eduardo Gomes. 

O Anel Viário Sul, com investimentos da ordem de R$ 88,3 milhões deverá alcançar 50% de execução até o final de 2019. A obra do anel, que interliga a avenida Santos Dumont, na zona sul da capital, ao complexo José Henriques, no entroncamento com a avenida Torquato Tapajós, zona norte, ganhou novo ritmo neste ano, com a realização de serviços de drenagem, terraplanagem e pavimentação.

A Anel Viário Leste, cuja obra tinha menos de 1% de execução quando a atual gestão assumiu o Governo, em janeiro de 2019, agora avança com a construção de oito galerias e passagens de fauna. Duas das quatro pontes projetadas para o trecho já estão prontas. Serão 17,6 quilômetros interligando a avenida Margarita, bairro Nova Cidade, zona norte de Manaus, com a alameda Cosme Ferreira, nas proximidades da Escola Agrícola, no Distrito Industrial II, zona leste da capital.

As obras do Anel Leste estão orçadas em R$ 197 milhões, sendo R$ 161 milhões oriundos do Governo Federal e R$ 36 milhões de contrapartida do Programa de Apoio às Despesas da Capital (Prodecap Amazonas). Do total, cerca de R$ 39 milhões são necessários para realização das desapropriações da obra.

"Quando estiverem prontos, os Anéis Viários Sul e Leste vão reduzir tempo e custo do transporte de mercadorias e de insumos das  indústrias do Polo Industrial de Manaus. Isso significa que vamos retirar das principais avenidas e ruas da capital o fluxo de veículos pesados, como carretas e caminhões, e melhorar o trânsito da cidade como um todo”, detalhou o governador. 

Novas obras do Prosamim 

Neste ano, o Governo do Amazonas iniciou obras de recuperação dos sete parques urbanos do Prosamim na capital, com investimentos de R$ 9,7 milhões. Também já foi licitada a obra de revitalização do Igarapé do 40, no trecho entre as ruas Silves e Maués, na zona sul de Manaus. São R$ R$ 68,6 milhões em investimentos.

A revitalização do trecho é uma obra complementar do Igarapé do 40, que vai reassentar 5 mil pessoas que vivem em condições precárias de moradia e saneamento. A obra também vai representar uma alternativa de trânsito ao interligar a Manaus Moderna ao Distrito Industrial, melhorando o fluxo de veículos na capital.

Além disso, a Unidade Gestora de Projetos Especiais (UGPE) executa obras de construção da primeira Estação de Tratamento de Esgoto do Prosamim, no bairro Educandos, que vai tratar o esgoto de mais de 130 mil pessoas que moram em onze bairros da zona sul de Manaus, com investimento de R$ 36 milhões. 

Também como parte do Prosamim, estão sendo implantados 24 quilômetros de rede de esgoto em bairros da zona sul, com aportes de R$ 60 milhões, e a obra da ligação viária Luiz Antony, que já recebeu pavimentação em sua totalidade. Nessa obra, o investimento totaliza R$ 75 milhões.

Melhor estrutura de prédios públicos

Neste ano, o Governo do Estado também executa obras para melhorias de prédios públicos. Em agosto inaugurou a nova sede da 16ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) e da Delegacia Especializada em Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca), da Polícia Civil do Amazonas, no bairro Aleixo zona centro-sul de Manaus. A obra do complexo estava parada há, pelo menos, dois governos passados.

Na lista de obras retomadas pelo Governo do Estado em 2019 está o Hospital do Sangue do Amazonas, cujos trabalhos puderam reiniciar após primeiro repasse estadual ter sido feito. A obra, que começou em 2014 e chegou a ser totalmente paralisada em 2017, já soma cerca de 50% de execução. A previsão de conclusão é 2020, quando a capacidade de atendimento da Fundação de Hematologia e Hemoterapia vai triplicar.

As obras para construção da nova sede da Secretaria de Estado do Meio Ambiente (Sema), na avenida Mário Ypiranga Monteiro, zona centro-sul de Manaus, também avançaram em 2019. Fiscalizada pela Seinfra, a obra está com 68% de execução e deve ser concluída até novembro deste ano. “A medida que nós melhoramos a estrutura dos prédios, nós também melhoramos os serviços. Todas as ações que temos tomado são no sentido de melhorar a vida das pessoas”, afirmou Wilson Lima.

Urbanização

A urbanização do Igarapé dos Franceses/Cachoeira Grande, no bairro do São Jorge, zona oeste, é outra obra que está em andamento com avanço de 80%. A obra compreende a construção de aterro, sistema viário e equipamentos comunitários, como Unidade Básica de Saúde (UBS), 1 creche, 1 Centro Municipal de Educação Infantil (Cemei), 1 Centro de Referência de Assistência Social (Cras) e 1 Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas).

“Eu escolhi Manaus para viver e Manaus também me escolheu para governar esse estado. Nós estamos trabalhando para construir um Amazonas melhor e isso, claro, inclui a capital”, concluiu o governador.






Nenhum comentário