Aconteceu!

FAMÍLIA FICOU SEM NOTÍCIAS DE PAI INTERNADO PORQUE HOSPITAL NÃO ENCONTROU PACIENTE


Vítima foi levada ao HPS Platão Araújo, na Zona Leste de Manaus. — Foto: Rebeca Beatriz/G1 AM

Paciente deu entrada com febre e cansaço, mas testou negativo para Covid-19. Presença de acompanhantes foi suspensa por conta de um novo surto da doença que voltou a lotar unidades de saúde.

Uma família denunciou à Rede Amazônica que ficou cerca de sem informações sobre o estado de saúde do pai porque o hospital onde ele foi internado não conseguia localizar o paciente. O caso aconteceu na tarde desta sexta-feira (8) no Hospital Platão Araújo, em Manaus.

Os hospitais da capital voltaram a ficar lotados por conta de um novo surto da Covid-19. Até esta quinta (7), mais de 207 mil pessoas foram infectadas, e mais de 5,5 morreram com a doença.

De acordo com Alfredo Umbelino, genro do Alcebíades Mariano, o idoso deu entrada na unidade nesta quinta-feira (7) por volta das 15h. A direção da unidade informou, por volta de 16h desta sexta, que a família havia recebido as informações sobre o pai.

Conforme Umbelino, o parente testou negativo para Covid-19 depois de fazer exames em um SPA da capital, no entanto, ainda apresentava febre e cansaço.

“Como ele tinha que tomar oxigênio trouxemos ele pra cá. Ficamos acompanhando e o médico pediu pro meu cunhado falar com o familiares pra entubar e depois não íamos mais poder ver ele. Ficaram de dar o boletim pra gente no dia seguinte e até hoje, meio dia, não deram boletim. A assistente social pediu pra esperar até 13h, mas não encontraram ele, não sabe pra onde ele foi, foram em todos os setores e ainda não deram resposta pra nós”, contou.

Por volta das 14 horas, a filha do idoso estava aflita na porta do hospital. Ela conta que o pai estava desacordado quando o deixaram.

“Levaram ele, e meu irmão viu, ficou um tempo olhando ele de longe. Quando foi agora, pediram pra esperar até uma hora e vem dizer isso aí, que não acharam nosso pai, como é isso? Ele é um senhor de idade, tava desacordado praticamente, não podem fazer isso com a gente”, lamentou.

Com o aumento recorde de internações por Covid em Manaus, foi proibida a presença de acompanhantes nos hospitais. Somente idosos e crianças possuem esse direito. A medida, segundo o Estado, é para evitar aglomerações em salas de unidades.

Por volta de 16h desta sexta, a direção do Hospital Pronto-Socorro Platão Araújo informou que a família foi acolhida pela equipe multiprofissional da tenda externa, que realiza o atendimento psicossocial, e recebeu as informações do quadro clínico do paciente.

Eles contaram que obtiveram autorização para confirmar que o pai havia sido localizado. Um dos filhos entrou no hospital e viu o familiar.

Amazonas volta a bater recorde de internações por Covid

G1*

Nenhum comentário