Aconteceu!

A FÓRMULA 1 ESTÁ DE VOLTA: O CALENDÁRIO, O GRID E PRINCIPAIS HISTÓRIAS

 

Foto: Reprodução

Os motores estão roncando e os carros estão prontos para sair da garagem. Neste fim de semana, a Fórmula 1 dá o pontapé inicial para a temporada 2021 com o Grande Prêmio do Bahrein, que será transmitido a partir das 12h, na Band, casa nova a categoria no Brasil.

Ao todo, a temporada 2021 terá 23 corridas, um recorde nos 72 anos da Fórmula 1. Além de alguns circuitos que não puderam participar do calendário 2020 por causa da pandemia de Covid-19, circuitos novos foram incluídos, como o GP da Holanda e da Arábia Saudita.

Fique de olho

A maior estrela do grid é também o seu maior vencedor. O britânico Lewis Hamilton venceu seu sétimo título mundial em 2020, se igualando a Michael Schumacher, e é o favorito pa ra conquistar o octa.

Além do título mundial, Lewis Hamilton ainda tem a chance de bater outros recordes. Entre eles, o de títulos consecutivos (o britânico tem quatro atualmente, empatado com Vettel e Fangio); voltas lideradas (a 13 do recorde de Schumacher, que lidera com 5111); vitórias consecutivas (o recorde é de Sebastian Vettel, com nove; Hamilton tem 5, conseguido em 2020); vitórias consecutivas em um único GP (o recorde é de Senna, em Mônaco, com cinco — Hamilton tem 4, na Espanha); e maior número de triunfos em uma única pista, entre outros.

Dança das cadeiras

Para a temporada 2021, houve diversas mudanças no grid. Carlos Sainz trocou a McLaren pela Ferrari e promete protagonizar uma intensa disputa com Charles Leclerc para levar scuderia italiana de volta para a frente da disputa.

Com uma vaga em aberto na equipe, a McLaren conseguiu um substituto de qualidade para Sainz: Daniel Ricciardo, que deixou a Renault, agora chamada Alpine. E para substituir o australiano, os franceses foram atrás de um bicampeão mundial: Fernando Alonso. O espanhol de 39 anos ganhou seus dois títulos (em 2005 e 2006) correndo pela Renault e estava fora da categoria desde 2018, quando deixou a McLaren.

E por falar em campeões mundiais, Sebastian Vettel deixou a Ferrari para assinar com a Aston Martin, no lugar de Sergio Perez, antiga Racing Point, do bilionário Lawrence Stroll.

Novatos

Mick Schumacher, filho do heptacampeão Michael, fará sua estreia na categoria, pela Haas. Como companheiro de equipe, terá Nikita Mazepin, também novato. O outro debutante da Fórmula 1 será o japonês Yuki Tsunoda, de 20 anos, que correrá pela Alpha Tauri.

A casa nova

Após 41 anos de Globo, a Fórmula 1 terá uma casa nova. Com contrato até 2022, a Band será a responsável pela cobertura da categoria. Neste primeiro fim de semana, a emissora promete ter o maior pré-corrida da F1 na TV brasileira.

Neste domingo (28/3), o narrador Sérgio Maurício assume às 10h o comando da transmissão do Grande Prêmio do Bahrein, já dentro do Show do Esporte, que começará às 9h, com Glenda Kozlowski e Elia Júnior. Reginaldo Leme e Felipe Giaffone serão os comentaristas. A reportagem será de Mariana Becker. A corrida começa às 12h.

Para este primeiro fim de semana, Nelson Piquet e seu filho, Nelsinho, participarão da transmissão no aquecimento, junto com Felipe Massa e Emerson Fittipaldi.

Confira o grid da temporada 2021:

Confira o calendário da temporada 2021



Metrópoles*

Nenhum comentário