TCE

TCE

Aconteceu!

PREFEITURA DE MANAUS PROMOVE ATIVIDADES GRATUITAS NA 20ª SEMANA NACIONAL DE MUSEUS

Foto – Divulgação / Arquivo Manauscult

A Prefeitura de Manaus, por meio da Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult), promove, de 16 a 22/5, em parceria com o Instituto Brasileiro de Museus (Ibram), a 20ª edição da “Semana Nacional de Museus”, com diversas atividades gratuitas nos espaços culturais administrados pela fundação. As inscrições para participar podem ser realizadas de 11 a 22/5, pelo site: manauscult.manaus.am.gov.br.


A população poderá participar gratuitamente de várias atividades, como: rodas de conversas, palestras e oficinas sobre patrimônio material, imaterial, teatro de bonecos, visita guiada, introdução à arqueologia e espaços modernistas, ladrilho hidráulico para iniciantes, além de conhecer a iconografia do Centro de Manaus por intermédio das janelas históricas.

 

As atividades acontecerão no Museu da Cidade de Manaus (Muma), no Centro Cultural Óscar Ramos (CCOR), Centro de Arqueologia de Manaus (CAM), Biblioteca Municipal João Bosco Evangelista e no Pavilhão Universal.

 

A temporada cultural acontece todo ano, sendo uma das ações da Política Nacional de Museus, do Instituto Brasileiro de Museus, e marca a comemoração do “Dia Internacional dos Museus”, celebrado no dia 18/5, e tem como propósito mobilizar os museus brasileiros a partir de um esforço de concentração de suas programações em torno de um mesmo assunto.

 

Museus, profissionais e comunidades museais são convidados a criar, imaginar e compartilhar ações voltadas para o diálogo com os seus públicos e territórios, fortalecendo o reconhecimento e a visibilidade dos museus.

 

Com o tema “O Poder dos Museus”, neste ano, a proposta do evento é reconhecer nos museus a capacidade de se reinventar em momentos de crise, de ser partícipes em processos de transformação social e agentes de mudanças conectadas com a história, cultura, arte, ciência e com a vida.

 

Conforme o diretor-presidente da Manauscult, Alonso Oliveira, a programação do evento está voltada às mais variadas áreas da cultura, como forma de fortalecer o reconhecimento e dar visibilidade aos museus, principalmente, mostrando a força dos museus durante a pandemia, em que o setor museal sofreu grandes impactos e precisou mudar a dinâmica e interação com o público.

 

“Atravessar o período da pandemia de Covid-19 exigiu um esforço de resistência e transformação por parte do setor museal, no ano passado, por exemplo, realizamos o evento de forma virtual, mas, nesta edição, voltamos com as atividades presenciais. Programamos diversas ações ao longo da semana, com o objetivo de aproximar a população manauara do Museu da Cidade de Manaus, da nossa história, da identidade do povo manauara, promovendo o enriquecimento cultural da população e proporcionando aos participantes, uma experiência de viver a cidade como um campo museológico, além disso, vamos levar a programação para outros espaços culturais da prefeitura” explicou Oliveira.

 

As atividades terão início na próxima segunda-feira, 16/5, às 9h, no Museu da Cidade de Manaus (Muma), localizado na rua Gabriel Salgado, no Paço da Liberdade, centro histórico, em frente à praça Dom Pedro II, com a roda de conversa “Uma ponte entre Brasil e Venezuela – O encontro de duas grandes culturas”, em parceria com a empresa de consultoria educacional Tangram Educa e com a Organização da Sociedade Civil (OSC), “Hermanitos”.

 

A programação é aberta ao público e sem necessidade de inscrição, e segue até as 18h, com roda de conversa, exposição, visita guiada, apresentação de dança e música com crianças venezuelanas, oficina e teatro de bonecos.

 

“No Museu da Cidade de Manaus, o participante vai poder absorver, não só a nossa cultura local, mas também a cultura de um país vizinho, que também faz parte da Amazônia Legal. Tradições culturais, musicais e gastronômicas da Venezuela estarão presentes na abertura do evento. Será um dia inteiro de intercâmbio cultural entre Brasil e Venezuela” explica o diretor de políticas culturais da Manauscult, Wallace Almeida.

 

Na terça-feira, 17/5, das 9h às 14h, ocorrerá no Centro Cultural Óscar Ramos (CCOR), localizado na rua Bernardo Ramos, casas 69 e 77, centro histórico, a oficina sobre patrimônio material e imaterial “Museu, Minha Cidade” com o arquiteto e urbanista do Instituto Municipal de Planejamento Urbano (Implurb), Leonardo Normando. Durante a atividade, os participantes terão uma aula sobre patrimônio e irão pôr em prática o que aprenderam através de fotografias, que ficarão disponibilizadas no site da Manauscult. Para a oficina estão sendo oferecidas 30 vagas.

 

A Biblioteca Municipal João Bosco Pantoja Evangelista, localizada na rua Monsenhor Coutinho, 529, Centro, de 9h às 10h30 e de 14h às 15h30, abrigará, no dia 18/5, um circuito teatral que vai contar a história de Manaus através de publicações que estão abrigadas na biblioteca. As vagas são destinadas aos alunos do ensino médio da Escola Municipal Antônia Alexandrina.

 

Na quinta-feira, 19/5, o Centro de Arqueologia de Manaus (CAM), na avenida 7 de Setembro, 350, centro histórico, em frente ao Les Artistes Café Teatro, sedia uma aula que irá retratar a arqueologia lúdica, voltada para crianças, com o objetivo de criar o pensamento crítico acerca da arqueologia em Manaus, ministrado pela arqueóloga Vanessa Benedito. As vagas para a oficina são destinadas aos alunos do ensino fundamental da Escola Sagrado Coração de Jesus.

 

Na sexta-feira, 20/5, de 9h às 12h, no Pavilhão Universal, localizado na praça Tenreiro Aranha, Centro, os participantes terão uma aula de arquitetura histórica voltado à “Semana da Arte Moderna”, com a palestra “Novos olhares sobre espaços modernistas na cidade de Manaus”, ministrado pelas arquitetas Thatyana Marques e Isabella de Bonis.

 

Na segunda parte do evento, acontecerá uma visita guiada no Amazon Bus, levando os participantes aos pontos turísticos e prédios históricos da cidade. Para a aula estão sendo oferecidas 30 vagas.

 

A importância e o emprego do ladrilho hidráulico nas construções antigas de Manaus será foco da oficina ministrada por Clissia Monteiro e Felipe Pereira, que ensinarão aos presentes a confeccionar seu próprio ladrilho hidráulico. A atividade acontece no Centro de Arqueologia de Manaus (CAM), na avenida 7 de Setembro, centro histórico, em frente ao Les Artistes Café Teatro. Para a aula estão sendo oferecidas 30 vagas.

 

O encerramento do evento acontece na Biblioteca Municipal João Bosco Pantoja Evangelista, na rua Monsenhor Coutinho, 529, centro histórico, de 9h às 11h30, com a oficina “Iconografia através das janelas do centro histórico de Manaus – Desenho das janelas de Manaus”, mediado pela Suany Ximenes.

 

Programação 

 

16/5 (Segunda-feira)

Roda de conversa “Uma ponte entre Brasil e Venezuela”

Roda de conversa, exposição, visita guiada, apresentação de dança e música com crianças venezuelanas, oficina e teatro de bonecos.

Endereço: Museu da Cidade de Manaus (Muma), rua Gabriel Salgado, Centro Histórico de Manaus

Horário: 9h às 18h

Aberto ao público

 

17/5 (Terça-feira)

Oficina “Museu, Minha Cidade” sobre patrimônio material e imaterial

Palestrante: Leonardo Normando, Arquiteto e Urbanista do Instituto Municipal de Planejamento Urbano (Implurb)

Endereço: Centro Cultural Óscar Ramos (CCOR), rua Bernardo Ramos, casas 69 e 77, Centro Histórico de Manaus

Horário: 9h às 14h

Vagas: 30

 

18/5 – (Quarta-feira)

Peça teatral “O poder da biblioteca e dos livros para difusão da história e memória da cidade de Manaus”

Endereço: Biblioteca Municipal João Bosco Pantoja Evangelista, rua Monsenhor Coutinho, 529, Centro Histórico de Manaus

Horário: 9h às 10h30 e 14h às 15h30

Evento apenas para convidados

 

19/5 – (Quinta-feira)

Palestra “Pequenos Arqueólogos” – Introdução à Arqueologia para crianças

Palestrante: Vanessa Benedito, arqueóloga

Endereço: Centro de Arqueologia de Manaus (CAM), avenida 7 de Setembro, 350, Centro Histórico de Manaus

Horário: 8h às 10h

Evento apenas para convidados

 

20/5 (Sexta-feira)

Palestra “Novos olhares sobre espaços modernistas na cidade de Manaus”

Palestrantes: Thatyana Marques e Isabella de Bonis

Endereço: Pavilhão Universal, praça Tenreiro Aranha, no Centro

Horário: 9h às 12h

Vagas: 30

 

21/5 (Sábado)

Oficina “O ladrilho hidráulico como ornamento arquitetônico na cidade de Manaus”.

Palestrantes: Clissia Monteiro e Felipe Pereira.

Endereço: Centro de Arqueologia de Manaus (CAM), avenida 7 de Setembro, 350, Centro Histórico de Manaus

Horário: 9h às 11h

Vagas: 30

 

22/05 (Domingo)

Palestra “Iconografia através das janelas do Centro Histórico de Manaus” desenho das janelas de Manaus.

Palestrante: Suany Ximenes

Local: Museu da Cidade de Manaus (Muma), rua Gabriel Salgado, Centro Histórico de Manaus

Horário: 9h às 11h30

Vagas: 30

Nenhum comentário