Aconteceu!

FIÉIS SE DESPEDEM DE BENTO XVI NA BASÍLICA DE SÃO PEDRO

 

O corpo do falecido Papa Emérito Bento XVI (Joseph Ratzinger) está na Basílica de São Pedro para exibição pública, Cidade do Vaticano, 02 de janeiro de 2023.| Foto: EFE/EPA/ETTORE FERRARI 

Milhares de fiéis se reúnem no Vaticano nesta segunda-feira (2) para prestar suas últimas homenagens a Bento XVI, que morreu no sábado aos 95 anos e cujo corpo está exposto sob o ouro da Basílica de São Pedro em Roma, antes de seu funeral na quinta-feira (5), quando o papa Francisco celebrará, na Praça de São Pedro, o funeral do seu antecessor.

Uma longa fila se formou ao amanhecer, na presença de meios de comunicação e de um importante dispositivo de segurança. As autoridades de Roma estimam que cerca de 30 mil pessoas por dia visitarão a capela.

"Estou aqui desde as seis da manhã. Me pareceu normal vir homenagear o papa, depois de tudo o que ele fez pela Igreja", disse à AFP a freira italiana Anna Maria."Foi um grande papa, profundo e único", elogiou a italiana Francesca Gabrielli, que saiu da Toscana para se despedir de Joseph Ratzinger.

O falecido papa está vestido de vermelho (a cor do luto papal) e usando uma mitra branca adornada com uma trança dourada, além de um rosário nas mãos.

O corpo do primeiro pontífice alemão da era moderna foi transferido, na madrugada, da pequena capela privada do Mosteiro Mater Ecclesiae, onde residia desde sua renúncia em 2013, nos jardins do Vaticano, para a basílica no curso de uma cerimônia privada, informou a assessoria de imprensa do Vaticano.

Vários cardeais e membros da Cúria Romana velam o morto, enquanto o secretário particular por anos do papa emérito, o bispo Georg Gänswein, recebe as condolências das autoridades.

Entre os primeiros a chegar para se despedir de Bento XVI, estavam a primeira-ministra italiana, Giorgia Meloni, e o presidente da República, Sergio Mattarella.

As portas da imensa basílica permanecerão abertas ao público das 9h locais (5h em Brasília) às 19h (15h em Brasília) desta segunda-feira. Na terça e na quarta-feira, a visita será das 3h às 15h (horário de Brasília). O acesso é gratuito e sem necessidade de agendamento prévio, especificou o Vaticano.



Fonte: Gazeta do Povo

Nenhum comentário