Aconteceu!

ZONA AZUL VOLTA A SER COBRADA NO CENTRO DE MANAUS

 

Zona Azul em Manaus. — Foto: Divulgação

A cobrança de Zona Azul voltou a ser feita em Manaus, nesta segunda-feira (21). O consórcio obteve autorização na Justiça para fazer a cobrança, mesmo com o decreto que suspendeu a taxa durante a pandemia.

Durante o dia, os fiscais estavam trabalhando nas ruas do centro, orientando os motoristas a baixar o novo aplicativo, sob pena de ser multados e ter o veículo guinchado.

O retorno dos serviços cumpre uma decisão judicial do desembargador Aristóteles Lima Thury, que determina a volta do serviço de organização do estacionamento rotativo no Centro da cidade. Em caso de descumprimento, o desembargador determinou aplicação de multa de R$ 10 mil ao dia.

Com o retorno da cobrança, o consórcio responsável pelo sistema pretende dar rotatividade para as mais de 2,6 mil vagas somente no centro da capital amazonense.

O valor do estacionamento continua o mesmo de antes da pandemia, de R$ 2,45 por hora. O motorista também pode adquirir crédito no site ou nos postos de vendas no centro.

Cadastro e Pagamento

Antes de instalar o novo aplicativo, o usuário deve desinstalar a versão antiga do seu celular. O usuário pode baixar o app Zona Azul de Manaus na App Store ou Google Play, e acessar com o seu login (CPF) e senha (os quatro primeiros dígitos de seu CPF).

O novo aplicativo Zona Azul de Manaus também permite o cadastramento de múltiplas placas em uma só conta, sem limite de veículos. Dessa forma, empresas podem organizar pagamento de clientes e colaboradores diretamente pelo aplicativo.

Além do aplicativo, os usuários podem comprar crédito nos postos de venda e pelo site: https://zamanaus.com.br/. Em relação aos créditos que estavam no antigo aplicativo, os dados são migrados para o novo aplicativo após o primeiro acesso do usuário.




G1*


Nenhum comentário